Ult_jovem_14_10_15_jessica“Cada um tem que se manter na religião em que nasceu. Nada de discussão, nada de tentar converter o outro”, dizem meus amigos hindus daqui. “Quem tem religião são pessoas fracas, que precisam de um sentido para viver. Não precisamos de um sentido para viver, precisamos apenas viver”, dizem meus amigos intercambistas e agnósticos, que também estão vivendo aqui.

Meus amigos indianos me escutam quando falo sobre o cristianismo. Mas quando digo que há “um só caminho”, “uma só verdade”, aí não, pois aí já estou “tentando impor minha opinião”. “Sem discussões, por favor”. “Cada um na sua religião, ok?”. “Você deve permanecer na religião que nasceu, é o seu destino”.

Meus amigos intercambistas acham muito interessantes os costumes, as tradições, afinal “isso é cultura”! Mas uma Verdade Universal? Não, isso não existe. “Você é cristã? Sério? Acredita que a Bíblia é a Palavra de Deus? Fala sério… é um livro que foi escrito há milhares de anos e que não se aplica aos nossos dias”. Estranho, não? Porque esse livro fala diariamente comigo, nas mais diversas situações da minha vida.

Um indiano, conversando comigo sobre as tradições e costumes hindus, comentou que o hinduísmo era milhares de anos mais antigo que o cristianismo. A meu ver, ele tentava me provar que aquele era mais confiável que este. A religião sim, pela história, sabemos que é mais antiga, mas “No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus.” (João 1:1)

Um dia, um intercambista me perguntou se eu ficava triste com as brincadeiras que ele fazia pelo fato de eu ser cristã. Eu disse que não ficava triste com isso porque “sei em que creio”, mas o que me deixa triste “é o fato de seus olhos não estarem abertos para a verdade”.

Orei para Deus me dar oportunidades de testemunhar minha fé aqui. Ele me deu. Orei pedindo sabedoria e discernimento para compartilhar a razão da minha fé. Ele tem me dado. Oro para que Ele abra os olhos dos meus amigos e se por Sua infinita graça e misericórdia for esse o plano, Ele fará!

• Olivia B., 23 anos, é formada em Comércio Internacional e trabalha como treinadora e consultora português/espanhol, na Índia.

  1. Oi Olivia B.,
    Paz em Jesus!
    Fique firme nas Escrituras e no poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê: o evangelho.
    Você é uma semeadora.
    Algumas sementes cairão em boa terra e germinarão.
    Abraços,
    em Jesus,
    Wolô

  2. Amiga, glória a Deus por sua vida e pela coragem que o Pai te dá para proclamá-Lo!
    A missão da igreja no séc XXI certamente é criar comunidades de reconciliação, tendo em vista que hoje podemos ter contato com povos que antes estavam fora do nosso alcance.
    Deus está no trono e é contigo em todos os desafios!!!
    Obrigada por compartilhar conosco sua vivência! Parabéns pelo texto, ótimo e muito transparente!
    Beijos! Tata

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.