UltJovem_27_06_16_Detoxjuice-1006460_1920Por Jeferson Rodolfo Cristianini

A expressão detox está na moda. Detox vem do inglês, que literalmente significa desintoxicação. As receitas e as dietas são muitas. Há capsulas detox, há dietas que combinam alimentos que dizem limpar o organismo das toxinas, sucos que fazem uma “faxina”. Algumas propagandas dizem que os sucos detox seca barriga, elimina celulites e fazem a pele. Homens e mulheres, motivados pela ditadura da beleza, buscam todas as formas de manter a forma e de emagrecer. Todos querem ter um corpo escultural a semelhança das capas das revistas. Assim como as celebridades começaram a tomar os sucos e comer as dietas detox, logo essa expressão se popularizou e muitas pessoas passaram copiar as celebridades e a comprar produtos com esse nome. Detox é uma expressão que abarca vários sentidos e já é usado para que clientes comprem produtos quando o nome detox está estampado nas embalagens.  Detox virou uma marca das pessoas que almejam o padrão fitness, e para muitas pessoas, virou um “estilo de vida” mais saudável e regrada.

Assim como as dietas e sucos detox prometem eliminar as toxinas do corpo e promover emagrecimento, a espiritualidade detox tem a proposta de eliminar as toxinas da religiosidade. A espiritualidade detox é uma proposta de intensa e profunda relação com Deus e com um realinhamento das nossas vidas ao centro da vontade do Senhor. Jesus, nosso maior modelo, ensinou seus discípulos a viverem uma espiritualidade sadia e equilibrada. Ele sempre se posicionou contra a espiritualidade farisaica de Sua época que valoriza os estereótipos, os rótulos religiosos, os rituais vazios de devoção e um desempenho exibicionista.

A espiritualidade detox ensinada por Jesus é uma proposta de esvaziamento de si mesmo, é uma busca da vontade de Deus, é uma vida centrada no evangelho. Essa espiritualidade detox elimina as nossas ansiedades e nos leva a reflexão e constatação de que Deus é quem cuida de nós; assim sendo, nós não precisamos viver ansiosos, mas precisamos descansar na provisão Divina. Essa espiritualidade nos leva a priorizarmos o reino de Deus e sua justiça nos leva a eliminar nossas preocupações diárias, sabendo que Deus é nosso Pai e que concede tudo que precisamos.

Essa espiritualidade não nos leva para os altares, para o centro dos holofotes evangélicos, mas nos leva para o quarto. É no quarto que a espiritualidade detox de fato desintoxica os discípulos de Jesus. No quarto a sós com Deus não há muitas palavras, há quietude. Não há pedidos, há momentos intensos de contemplação e adoração. No quarto Deus olha para nosso interior e nos leva a repensarmos nossas motivações, nossos preconceitos e nossas dificuldades. No quarto oramos sinceramente, sem usar expressões que demonstram nosso saber teológico. No quarto oramos como crianças conversando com o Pai. No quarto falamos e estamos diante de Deus em secreto e Ele nos vê em secreto, e em secreto trabalha em nós, a fim de sairmos do quarto quebrantados e contritos a sermos como Jesus Cristo, o filho amado.

No quarto não nos exibimos, oramos. No quarto lemos as Escrituras como uma criança come sem etiquetas. No quarto nos lambuzamos com a Palavra de Deus que é mais doce do que favo de mel (cf. Salmo 19:10, Salmo 119: 103, Prov 16:24). Jesus nos leva para o quarto para a desintoxicação, para esmagar nosso egoísmo, para limparmos nosso coração e mente dos valores seculares, para realinharmos nossas vidas ao centro da vontade de Deus, para assim sermos sal e luz desse mundo. Viva a espiritualidade detox proposta por Jesus e sinta o agir de Deus na sua vida. A espiritualidade detox não é uma dieta com prazo de validade, mas é um estilo de vida cristã.

• Jeferson Rodolfo Cristianini é pastor da PIB Bauru.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.