IMG_0027É fácil se esconder em meio a multidão em um evento com mais de 500 pessoas, mas não no Vocare. A organização do congresso preparou um momento para conversas em pequenos grupos após as plenárias para que os participantes tenham um espaço para dialogar, debater e compartilhar. De acordo com Rodolfo Gois, um dos coordenadores, cerca de 60 grupos pequenos estão funcionando durante o congresso.

O Vocare está enfatizando o diálogo e a interação. O pequeno grupo é uma das estratégias para estimular essa interação. “Na plenária o participante é apenas expectador, apenas assisti. Mas no pequeno grupo o jovem tem espaço para debater e compartilhar”, afirma Rodolfo.

O estudante Gabriel Freitas, 18, de Viçosa (MG), líder de um pequeno grupo, observou que “as pessoas vieram com o coração aberto para entender a vontade de Deus para suas vidas, e colocar isso em prática”. Ele conta que apesar de ter um roteiro para auxiliar a conversa, nem foi preciso usá-lo, pois as pessoas estão falando espontaneamente.

Para um participante dos pequenos grupos, Enock Galdino, 15, de Passos (MG), os encontros estão sendo muito importante, pois eles estão podendo compartilhar com pessoas que conhecem e põem em prática o que a Bíblia ensina. A história do estudante é curiosa. Ele conseguiu o valor exato que precisava para participar do Vocare quando abriu o seu “porquinho”. Enock disse que já exerce seus dons e talentos na igreja local, mas veio ao congresso para ter um pouco mais de clareza a respeito da vocação.

Os líderes dos pequenos grupos foram indicados por igrejas, pastores e integrantes da equipe gestora do Vocare. Após a indicação, cada pessoa preencheu um formulário, a partir do qual foi feita uma triagem. As pessoas selecionadas receberam materiais com orientações e leituras, via e-mail, para que pudessem se preparar.

— Assista a programação do Vocare ao vivo.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.