P10_24_12_14_Mensagem“Mas o anjo lhes disse: “Não tenham medo. Estou lhes trazendo boas novas de grande alegria, que são para todo o povo: Hoje, na cidade de Davi, lhes nasceu o Salvador que é Cristo, o Senhor. […] Depois de o verem, contaram a todos o que lhes fora dito a respeito daquele menino, e todos os que ouviram o que os pastores diziam ficaram admirados.” Lucas 2.10,11,17,18

Por Héber Negrão

Não é novidade que o significado no Natal está muito deturpado em nossos dias. Eu lhe convido a pensar no verdadeiro sentido do Natal anunciado pelos anjos aos pastores.

  1. Respeitosa reverência
    A visão que os pastores tiveram dos anjos foi assustadora; eles nunca tinham visto algo parecido. Por isso foi preciso que o mensageiro celestial lhes dissesse: “Não tenham medo”. Em nossos dias precisamos cultivar um temor saudável em relação às coisas de Deus. Ultimamente temos ouvido muito sobre intimidade com Deus, mas essa intimidade anunciada beira desrespeito ao Grande Senhor de toda a terra. O que aprendemos com os pastores é que precisamos ter um senso de respeito às coisas sagradas.
  2. Grande alegria
    A mensagem que o anjo trazia deveria produzir nos pastores uma verdadeira alegria, e não medo. Alegria porque estava se cumprindo uma antiga promessa feita ao povo de Israel. O Ungido (Cristo), o Messias prometido, estava chegando com o único objetivo de salvar. Os dias do Natal servem para nos lembrar dessa grande alegria. Será que nós temos parado para nos alegrar nesta verdade durante esses dias? Ou será que estamos muito ocupados com a correria das festas e as filas nos shopping centers? Cristo precisa ser o centro dos nossos corações neste Natal.
  3. Amplo alcance
    Você já parou pra pensar que desde o começo a mensagem da salvação deveria ser anunciada a todas as pessoas? O anjo disse que aquela grande notícia seria para todo o povo. Esse é o objetivo da celebração do Natal: mais uma vez, anunciar a salvação de Cristo a todos àqueles que precisam desta salvação. Se você ler Lucas 2.17 e 18 verá que foi exatamente isso que os pastores fizeram após se encontrarem com o menino Jesus. Mais do que trocar presentes ou fazer boas ações, o Natal deve ser o momento de compartilhar a maior alegria que alguém pode ter: salvação em Cristo Jesus.

Héber Negrão é paraense, tem 32 anos, mestre em Etnomusicologia e casado com Sophia. Ambos são missionários da Missão Evangélica aos Índios do Brasil (MEIB) e da Associação Linguística Evangélica Missionária (ALEM). Residem em Paragominas (PA) e trabalham com o povo Tembé.

 

Compartilhe essa mensagem com seus amigos e familiares. Vamos trazer de volta o sentido do Natal anunciado pelos anjos.

  1. Diga lá se carnaval deturpado não aponta para o fato de todos os ilustres senhores que aparecem neste curto vídeo não foram à compras para cobrirem de presentes a seus familiares e amigos.

    Concordo que a crítica ao Natal tem um enorme valor de consumo na igreja cristã. Morre por aí mesmo.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>