Ações ministeriais: o que, quando e onde

É verdade, 2019 foi um ano difícil para muita gente e, para nós, da Ultimato, não foi diferente. Enfrentamos dificuldades relacionadas à sustentabilidade da revista impressa e do Portal; à construção do novo site; à saúde da Equipe Ultimato e de seus familiares; à divulgação mais ampla e eficaz do ministério; à participação em eventos, entre outras. Um mar de desafios.

Mas, seríamos injustos se disséssemos que o mar não estava pra peixe. A travessia foi custosa, mas a pesca muito abençoada. Tanto é que, com alegria e gratidão, no início de dezembro, reunimos a Equipe Ultimato para celebrar os frutos do ano e notamos, mais uma vez, o cuidado sem igual de Deus.

Foi assim com a revista, com o site e livros e com as ações ministeriais também. Com a ajuda de muitos, respiramos fundo e fizemo-nos ao mar.

Durante a travessia, trabalhamos firme para manter o envio regular de revistas e ficamos contentes pelos resultados do esforço coletivo: mantivemos o compromisso com presos, paróquias católicas, líderes do Norte e Nordeste do Brasil [projeto Paralelo 10], casas de recuperação e missionários enviando bimestralmente a revista Ultimato para o endereço deles. E, para nossa admiração, a quantidade de exemplares enviados por ações ministeriais foi quase a mesma de 2018!

Mar aberto ou mar fechado, atravessamos 2019 e aqui estamos, prontos e a bordo para 2020, com a Graça de Deus.

Agradecemos aos patrocinadores de assinaturas. Que alegria receber notícias quase semanais da participação dedicada de cada um. As assinaturas patrocinadas por assinantes individuais, igreja ou organizações é que permitem que Ultimato vá longe – até além-mar – e chegue às prisões, campos missionários, líderes do Norte e Nordeste, paróquias católicas, padres casados e a tantos outros. A cada um que aceitou o desafio de navegar conosco nosso “Muito obrigado!”.

Certos de que ontem, hoje e sempre, “com Cristo no barco tudo vai muito bem”.

• Equipe Ultimato

Quer saber como ser um patrocinador? Clique aqui.

Veja nas fotos abaixo alguns resultados de ações ministeriais.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *