[Por Maria Celia del Valle]

BlogUlt_07_02_14_Leitora_Maria_Celia2

Maria Celia com Nicole nos braços, a neta de sua irmã

A primeira vez que eu li jornal Ultimato (ainda não era uma revista) foi em 1971, quando a Dona Leontina Novaes escrevia uma coluna de poesias. Naquele ano, eu estava no 6º ano de Medicina, não tinha dinheiro nem para comprar um periódico, mas a Dona Leontina trazia todas as edições e me dava graciosamente. Gostei muito do Ultimato e nunca mais deixei de ser leitora dele.

Hoje eu estou com 69 anos e dirijo projetos de atendimento médico e odontológico em comunidades carentes. Nós temos uma ONG que se chama “Espaço Jovem”. Convocamos voluntários como: médicos, dentistas, estudantes de odontologia, estudantes de medicina, e, atualmente, também, estudantes de engenharia de computação e educadores. Visitamos as comunidades carentes, principalmente aquelas onde já há um projeto beneficente em andamento. Nosso projeto é servir quem serve. Este é o meu trabalho. E eu sou leitora da Ultimato.

 
Maria Celia del Valle continua, usando sua profissão em favor dos valores do reino de Deus. E, claro, continua como assinante da revista Ultimato.

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *