advent-calendar2Leia: Salmo 100

Tenho de mudar! Preciso mudar!

Talvez você já tenha sentido necessidade de assumir um olhar com o qual, a partir de determinado momento, passaria a enxergar a vida. Deixar de ser guiado pelas circunstâncias. Deixar de sentir-se uma mera confluência de fatores externos. Reconhecer que, do jeito que está, não dá!

Algumas pessoas levam isso a sério, muito a sério! O salmista foi alguém assim. Comprometeu-se a ter um olhar que dirigiria e condicionaria tudo quanto viesse a fazer e pensar. Para ele, acima de tudo, Deus é bom!

Tal decisão não surgiu do nada e nem de uma dia para o outro. Ela é fruto de experiências com Deus. Embora não saibamos quais foram, elas o levaram a sentir-se criado pelo Senhor, ovelha de seu rebanho. Sentiu vontade de louvar e de testemunhar o nome do Senhor. Estava tomado por um desejo incontido de falar ao mundo sobre a bondade de Deus.

A bondade que o salmista experimentou expressou-se concretamente na misericórdia e na fidelidade divinas. Apesar de nossas fraquezas, Deus nos ama, nos chama e nos quer junto de Si. Apesar sermos infiéis por vezes, Ele continua fiel às suas promessas a nós. Deus é bom!

Isso não significa que o salmista não tenha passado por provações e lutas. Pelo contrário, certamente elas vieram, curvaram-no com a violência de seus ventos, quase o submergiram com a pressão de suas águas. Mas Deus continuou sendo bom, sua misericórdia continuou a ampará-lo, sua fidelidade continuou a socorrê-lo.

Deus é bom! Acima de tudo, Ele é bom!

Durante o mês de dezembro escreveremos diariamente uma mensagem sobre o natal e, depois dele, sobre o novo ano que se aproxima. Queremos refletir sobre a encarnação, sobre o menino Deus, sobre a salvação que irrompeu em graça em nosso mundo. Acompanhe-nos. Dê-nos a alegria de compartilhar com vocês o que temos ouvido, visto e experimentado a respeito de nosso Salvador.

Vamos ouvir uma bela canção na voz de Jorge Camargo: “Bendize”. Ouça. Medite. Ore.

http://www.youtube.com/watch?v=k8ilPighBeA

João Leonel & Gladir Cabral

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>