Arquivo | Vida Cristã RSS for this section

Existe vida após a morte… E antes também!

ESTUDO BÍBLICO | Série Revista Ultimato – edição 391

Muitas pessoas evitam a reflexão e as conversas sobre a morte, pois é um assunto não apenas desconfortável, mas que também pode “trazer mau agouro”. No outro extremo, podemos encontrar pessoas que estão tão preocupadas com a morte que acabaram desenvolvendo uma postura neurótica, e muitas vezes mórbida, com relação a este tema. Em ambos os casos, tudo indica, o comportamento das pessoas é determinado pelo medo – medo de morrer.

Continue lendo

Deus e a arte de nos “formar”

Artigo: “Jeremias: esperança em tempos de caos”, de Christian Gillis, Ultimato 390 Texto básico Jeremias 18. 1-12  Textos de apoio – Deuteronômio 30. 11-20 – Miqueias 6. 6-8 – Salmo 103. 8-14 – Mateus 7. 24-27 –  2 Timóteo 2. 14-26 – Tiago 1. 22-27 Introdução Todo artesão (artífice, artista) se preocupa criteriosamente com a […]

Continue lendo

Cuidado com a “ostentação espiritual”

ESTUDO BÍBLICO | Série Revista Ultimato – edição 390

Continue lendo

A intolerância da igreja… com o pecado

ESTUDO BÍBLICO | Série Revista Ultimato – edição 389

“Deus odeia o pecado, mas ama o pecador”, ouvimos frequentemente. E isso é verdade! Ao mesmo tempo, o nosso Pai deseja que seus filhos o imitem. E aí começa o nosso problema, porque temos muita dificuldade para separar “sujeito e pecado” – agimos “alvejando” o erro e também quem o cometeu. E, nesse caso, a ira confunde os “alvos”.

Continue lendo

O que devo fazer para ser salvo?

Série | CONVERSANDO SOBRE A FÉ CRISTÃ – Estudo 3

Instantes antes de morrer, Jesus disse: “Está consumado!” (João 19.30). Isto quer dizer que, naquele justo momento, o Filho de Deus consumou a obra que Deus, o Pai, lhe havia confiado: a de salvar os pecadores. Desde então, a salvação, também chamada de vida eterna, é um um fato consumado, e tem sido oferecida a todos como um presente. Paulo escreveu: “O salário do pecado é a morte, mas a dádiva de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor” (Romanos 6.23). Tal presente, entretanto, precisa ser recebido. Como fazê-lo é o assunto deste estudo.

Continue lendo