O presidente da ONG Rio de Paz, Antonio Carlos Costa, acaba de publicar no site Novos Diálogos, O Último escrito de John Stott, sobre o livro O Discípulo Radical. Pastor da Igreja Presbiteriana da Barra da Tijuca, Antonio Carlos diz que “Stott via os livros cristãos como meio de graça negligenciado”. E completa: “Deixar de ler John Stott é um grande desperdício”. Vale conferir.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *