Em maio de 1994, o Mineiro com Cara de Matuto encontrou uma cruz diferente de todas as cruzes que ele vira até então. Ela estava fincada no gramado da Universidade Gwynedd-Mercy, católica, nos arredores de Filadélfia, EUA. O Mineiro ficou apaixonado por essa cruz, porque ela aponta não só para a morte de Jesus mas também, com igual ênfase, para a ressurreição do Senhor.

O artista que desenhou a cruz chamava-se Jay J. Dugan e devia ser um cristão muito piedoso. Para ele, nestes 2 mil anos de cristianismo, a cruz tem revelado só o sofrimento e a morte de Jesus. Ela não tem simbolizado também a sua ressurreição, o que é uma lástima. Com essa preocupação, Jay Dugan projetou a cruz vazada.

Pouco depois, a Editora Ultimato conseguiu com a direção da Universidade americana uma cópia do desenho da cruz vazada e autorização para construir uma cruz igual a essa no gramado do Centro Evangélico de Missões (CEM), em Viçosa, MG, a qual foi inaugurada em agosto de 1996. Em 2008 inauguramos uma cruz vazada feita em vitral no nosso jardim (foto).

Desde 1999 a Editora Ultimato tem o prazer de colocar à disposição de todos os seus leitores a planta da cruz vazada do escultor Jay Dugan. Sugerimos que ela seja erguida nas entradas das cidades, em jardins públicos, em escolas, hospitais, igrejas etc. A cruz vazada anuncia o mais puro evangelho: o sucesso da morte vicária de Jesus, a ressurreição de Jesus, o sacerdócio de Jesus, o segundo advento de Jesus, a ressurreição dos mortos, os novos céus e a nova terra.

Inspirado pela ideia de espalhar a cruz vazada pelo Brasil, nosso leitor Olir José sugeriu a utilização do desenho no uniforme do grupo de ciclistas Mais que Vencedores.

O grupo de ciclistas Mais que Vencedores é formado por pessoas com idade entre 22 e 60 anos. Para inaugurar o uniforme oficial do grupo, onde a cruz vazada é destaque, fizemos uma pedalada que saiu de Caxias do Sul na Serra Gaúcha e foi até a cidade de Arroio do Silva no Litoral Sul de Santa Catarina, um percurso total de 241 Km. Nosso desejo é que Deus nos possibilite sempre a oportunidade de termos comunhão uns com os outros e fazê-lo conhecido àqueles que ainda não o conhecem! (Olir José)

Se você quer receber o projeto da Cruz Vazada ou já utilizou o mesmo escreva para cartas@ultimato.com.br

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.