Deus está trabalhando no mundo

Deus está trabalhando no mundo

Neste estudo examinaremos como Deus se revela às pessoas no mundo e o que essa revelação nos ensina sobre a sua missão.

Leia Lucas 5.1-11 – Nesta passagem vemos Jesus aproximar-se e interromper o cotidiano de Simão a fim de revelar-se a ele.

Para discussão

  • Você acha que Simão já tinha ouvido sobre Jesus antes?
  • Como você acha que Simão se sentiu quando Jesus interrompeu o seu trabalho? Como foi que ele respondeu a Jesus?
  • Por que é importante Jesus ter tomado emprestado o barco de Simão para pescar antes de lhe falar sobre tornar-se discípulo?
  • Como Jesus mostrou a Simão quem ele (Jesus) realmente é?
  • O que o encontro de Simão com Jesus nos diz sobre a missão?

Para reflexão

Em que ponto Jesus interrompeu sua vida e lhe mostrou quem ele é?
  • Quando ele entrou em sua vida?
  • O que ele lhe mostrou?
  • O que ele pediu que você fizesse?
  • Como ele usou suas habilidades e características?
  • Como você respondeu?
  • Você se vê como parte da missão de Jesus?

Leia Lucas 8.22–25Nesta passagem, vemos que os discípulos de Jesus parecem ter esquecido que ele é o Filho de Deus e alguém presente na vida deles.

  • Por você que acha que os discípulos entraram em pânico?
  • O que Jesus mostrou-lhes sobre si mesmo?
  • Quando você se esquece de que Jesus está ao seu lado em seu dia a dia?
  • Como você pode lembrar-se disso e encontrá-lo mais facilmente?
Como você acha que Simão se sentiu quando Jesus interrompeu o seu trabalho? Como foi que ele respondeu a Jesus?

Concentre-se na perspectiva dos eventos aos olhos de Simão – como essa interação muda a sua vida? Simão é um pescador que não esperava que um rabino prestasse atenção nele. Ele também sabia que era improvável pescar qualquer peixe àquela hora do dia, e portanto o pedido parecia ridículo. Incentive o grupo a imaginar como Simão deve ter se sentido quando um rabino o interrompeu ao final de uma longa e infrutífera noite de pesca.

Por que é importante que Jesus tenha tomado emprestado o barco de Simão para pescar antes de falar com ele sobre como se tornar um discípulo? Como Jesus mostra a Simão quem ele (Jesus) é?

Encoraje o grupo a pensar sobre o fato de que Jesus se envolve com Simão aos poucos. Jesus começa com um simples pedido – afastar o barco da terra. Fazendo isto, Jesus pode realizar seu “trabalho” como rabino (e Filho de Deus) falando à multidão – utilizando as habilidades de Simão, suas posses e situação na vida. Seu segundo pedido exige mais de Simão – pede-lhe para fazer algo que a experiência de Simão (obtida em uma vida inteira como pescador e de haver tentado pescar na noite anterior) lhe diz que será um fracasso e vai fazê-lo parecer tolo. Jesus pede a Simão para satisfazer seu pedido e correr um risco: “Afastar-se até as águas profundas e baixar as redes para pescar”. Desta forma Jesus mostra a Simão que ele é alguém especial – que ele é o Filho de Deus – e inspira Simão a segui-lo.

O que o encontro de Simão com Jesus nos diz sobre a missão?

Pense sobre o que esse encontro lhe diz sobre como Deus valoriza as pessoas, mesmo aquelas que não são obviamente famosas ou bem sucedidas, e sobre como ele nos alcança e procura nos usar como somos e onde estamos.

Em que ponto Jesus interrompeu a sua vida e lhe mostrou quem ele é?

Se você está liderando um grupo relativamente grande, talvez você possa dividi-lo em duplas ou pequenos grupos para incentivar conversas abertas e conversar sobre as principais ideias. Encoraje o grupo a refletir sobre quando e como Deus entrou e impactou sua vida. Pergunte o que na vida deles tornou isso possível e que dons e talentos Deus poderia querer usar. Se você está discutindo isso em duplas, peça às pessoas que relatem as experiências em comum.

Se o grupo estiver pronto para ir mais fundo, peça-lhes para pensar se estão permitindo que Deus faça pleno uso dos seus talentos. Em que área ele pode lhes estar pedindo para pensar na realização de algo novo ou diferente?

Para reflexão

Você pode acrescentar esta reflexão no estudo, se tiver tempo, ou pode incentivar as pessoas a pensarem sobre ela antes de sua próxima reunião. Encoraje o grupo a pensar por que os discípulos responderam como o fizeram nesta passagem. Será que se esqueceram que Deus estava com com eles, ou esperavam que ele tivesse um tipo diferente de resposta? Ou ainda não conheciam Jesus suficientemente bem para confiar nele quando se encontrassem em dificuldades? Como nós podemos nos lembrar do fato de que Deus está conosco?

Para oração

Agradeça a Deus porque Jesus veio para o(a) encontrar e chamar você para segui-lo. Agradeça a ele por valorizá- lo(a) e querer que você faça parte da missão dele. Peça-lhe para lhe mostrar qual seria o próximo passo dessa jornada.

Notas para o líder de grupo

Ao final deste estudo, o grupo deve ter compreendido que Deus quer encontrar pessoas vivendo seu dia a dia, que ele pode transformar vidas e que quer usar as habilidades e dons que já temos para revelar-se ao mundo. Neste ponto, você já deve ter discutido o que isso nos diz sobre a natureza da missão de Deus, pensando sobre a importância de Deus ter dado os primeiros passos no sentido de restaurar nosso relacionamento com ele, a forma pela qual ele chama as pessoas que parecem mais improváveis e indesejáveis como seus discípulos e a importância de recordar que ele está sempre conosco.

>> Estudo publicado originalmente no site da Tearfund. Usado com permissão.

Leia mais
>> Chamado Radical
Print Friendly, PDF & Email

Tags: , , , ,

Trackbacks/Pingbacks

  1. A importância do discipulado | Estudos Bíblicos - 11 de maio de 2018

    […] ao grupo que os discípulos têm que primeiro ouvir o que Jesus quer deles (como discutido no estudo anterior) e depois têm que fazer a escolha de segui-lo e despender tempo com ele durante seu ministério. […]

Deixe um comentário