Falecido em 15 de maio de 1984, aos 72 anos, vítima de um câncer, Francis A. Schaeffer foi um dos pensadores cristãos mais influentes do século 20. Por alguns ele é considerado como conversador, tantos outros se perguntam se vale a pena ouvir de novo sua voz no mundo contemporâneo e no Brasil de hoje. Estudiosos do legado de Sschaeffer, como Guilherme de Carvalho, afirmam que Francis Schaeffer é crucial para a igreja evangélica brasileira no século XXI. “Schaeffer é relevante para o Brasil. […] é um mestre de espiritualidade com uma abordagem genuinamente pós-iluminista; talvez um dos poucos que temos assim. Ele escreve sobre espiritualidade cristã e evangelização genuína no mundo de hoje, em termos de como esse mundo funciona, confrontando a mente moderna/hipermoderna e mostrando com clareza a verdade do evangelho”, explica Carvalho.

Schaeffer fundou a comunidade L’Abri na Suíça, ministério de alcance internacional, e escreveu diversos livros, entre eles O Deus que Intervém, A Arte e a Bíblia e A Morte da Razão, com milhões de exemplares vendidos em todo o mundo. Do último título selecionamos doze frases que lembram o legado do autor.

Leia mais
Francis Schaeffer para o Século 21

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>