blog_imagem_papa_webO papa Francisco está no Brasil. E a pesquisa publicada ontem pelo jornal Folha de S. Paulo mostra uma ‘dança dos números’: 57% dos brasileiros se dizem católicos; em 1994, eram 75%.

Durante a semana o blog da Ultimato ajuda o leitor a entender melhor a história religiosa dos últimos anos, no Brasil e no mundo.

Começamos hoje com o sociólogo e colunista da revista Ultimato, Paul Freston, tentando responder à pergunta: A eleição de um papa latino-americano vai mudar a trajetória da Igreja Católica, a ponto de conseguir diminuir o crescimento das igrejas evangélicas na região?

E para entender melhor como tudo começou, o blog selecionou para o leitor A igreja e as igrejas: reflexões eclesiológicas à luz da história do cristianismo, do historiador e também colunista da revista Ultimato, Alderi Souza de Matos.

  1. Não creio que isso irá revolucionar muito a realidade da igreja católica brasileira, nós cristãos devemos fazer por onde o nosso número aumentar e não nos preocuparmos com o crescimento dos que temos a certeza já estão condenados segundo a própria Bíblia, oremos para que mais vidas sejam salvas e saiam das garras do maligno. Amém!

  2. Eu penso que que a aparência de piedade e humildade desse papa pode até motivar a fé de muitos católicos, mas não obstante os neopentecostais estão mais convictos de que não é um bom negocio voltar para uma religião que está perdendo campo para um número cada vez maior de pessoas que querem viver uma vida de santidade e longe de coisas que ofende a Deus a começar pela idolatria.

  3. A pesquisa da folha em relação aos números é sem respaldo pois não entrevista boa parte do norte e nordeste hoje a Igreja é esmagadoramente presente .

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *