Meninos e meninas,

A música "cristã" hoje mais parece o samba do crioulo doido! O hit do momento desta vez vem do Pelourinho: "Pó pará cum pó/Pó pará cum pó aê/Pó pará cum pó/Pó pará cum pó aê". O novo Axé de Cristo, que o Estadão de 26 de janeiro de 2009 chamou de "coqueluche de verão", parece ser mais uma daquelas iniciativas de evangelizar os foliões perdidos "deste mundo de meu deus". 

Não é de hoje que essas "baladas do Senhor" arrastam um considerável número de pessoas pra de trás do trio-elétrico ou para as pistas de funk. Alguém se lembra do "Chuta que é laço"? E da versão gospel da “Dança do créu”… ops, “Dança do céu”? ("Meu irmão, tu não vai pro céu se não conseguir no nível 5").

Olha, que Deus não tenha preconceitos musicais eu até concordo. Mas, como disse um amigo meu: "Uma coisa é a gente querer restaurar o que o diabo distorceu, como muita gente fala. Outra coisa é pegar a coisa distorcida e trocar a letra”.

É isso! Podem jogar as pedras! Mas EUAvisei!

Leia também A dança do créu e a versão evangélica do que é medonho