O Dia Mundial da Justiça Social, criado pela ONU em 2007, é uma data que convida a sociedade a olhar para os desafios sociais enfrentados de modo a contribuir para a construção de uma vida digna para todos.

 

Entre as principais ações a serem atingidas com esta iniciativa está a eliminação da pobreza, o bem-estar da população e o fim de qualquer tipo de descriminação dentro da sociedade.

 

Esta data também é um convite para entendermos a perspectiva de Deus sobre a justiça e como podemos viver de forma justa em nosso dia a dia. Por isso, escolhemos dois textos para sua reflexão:

 

A Fonte de amor faz transbordar o rio da justiça : ¨Quem ama, cuida; quem ama perdoa; quem ama protege; quem ama fica indignado com a injustiça; pois o amor só reina em plenitude no oceano da justiça.” 

 

Bem aventurados os que tem fome e sede de justiça : “A fome de justiça do discípulo traduz-se na busca e na  manifestação da justiça entre as pessoas. Refiro-me ao princípio bíblico de se requerer mais de quem tem mais, de esperar maior responsabilidade de quem mais recebeu ou conquistou.”

 

  • Por Carlos Queiroz
    Origem: Revista Mãos Dadas. Edição 4 e 15.

 

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.