Por Danilo Ladentim

 

O projeto Vila Esportiva do CADI Fazenda, atua há 9 anos oferecendo atividades esportivas para meninos e meninas de 7 a 17 anos. Desde 2009 já atendeu mais de 1500 alunos do nosso município. Hoje as modalidades ofertadas são: karatê, rugby, muay thai, atletismo e ginástica acrobática. Um dos pilares de formação da criança e adolescente através do projeto é a fomentação da competição, ensinando o indivíduo a perceber os valores da derrota e da vitória, e como ele pode levar isso para sua vida pessoal. A oficina de karatê tem se destacado nesse ambiente e disputa os principais campeonatos da modalidade. Por 3 anos consecutivos, a equipe de karatê do CADI Fazenda está entre as 3 melhores do estado do Paraná. Através disso, vagas foram alcançadas para o campeonato nacional em 2018 e 2019. Nesse ano, a equipe esteve na disputa do Campeonato Brasileiro em João Pessoa-PB no mês de julho, conquistando 10 medalhas no total e 3 vagas para compor a seleção brasileira de Karatê tradicional no campeonato Panamericano e Copa Interclubes. Com o fortalecimento e patrocínio da NTN Rolamentos do Brasil, as alunas: Gabrielle Cyara, Hadassa Fernandes e Luara Correa, além do Sensei Emerson Correa e do Gestor de projetos Danilo Ladentim, viajaram para a Cidade do México para a disputa do maior campeonato de karatê tradicional das Américas. Na competição, o CADI conquistou 12 medalhas no total, sendo 4 de ouro, 2 de prata e 6 de bronze.
Além das medalhas conquistadas, a viagem teve como foco, mostrar para nossa comunidade, que com muito suor, dedicação, companheirismo e Jesus como centro de tudo, podemos conquistar nossos sonhos. Essa foi a primeira viagem internacional de alunos dos projetos sociais nesses 25 anos de atuação do CADI no Brasil.
Houve recepção no aeroporto, carreata na cidade e uma grande celebração com parceiros e admiradores do trabalho do CADI na cidade.

 

 O CADI é uma coalizão de organizações cristãs que potencializam sonhos e vocações para a transformação social. Busca ser referência em ações transformadoras, atuando prioritariamente na proteção à infância, à adolescência, e à famíliaA coalizão partilha da mesma visão, missão, valores e metodologias de intervenção social.

Enquanto Coalizão tem uma confessionalidade cristã e entende que o desenvolvimento social é parte dos plenos desígnios de Deus em sua ação redentora. O pobre é a razão de ser da Organização. O discurso, posicionamento e ações honram o pobre em suas lutas, anseios e em sua dignidade intrínseca.

Conheça mais o Cadi Brasil!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.