Os milagres da Bíblia são ocasião de embaraço para algumas pessoas, mas isto é uma pena. Pois a Bíblia está repleta de relatos de milagres. Historiador sobre o século I, Robert Grant, ressalta, “é difícil achar qualquer grão não milagroso no Evangelho”. Por exemplo, dos 661 versículos que se encontram no Evangelho Segundo Marcos, 209 tratam de milagres. Há 35 milagres atribuídos a Jesus nos Evangelhos. Jesus não só pregou a chegada do reino de Deus como também a demonstrou através do ministério de cura, expulsão de demônios e outros milagres. Estes faziam parte normal do seu ministério (Mateus 4.23). Até os judeus mais hostis a Jesus reconheceram-no como operador milagroso de maravilhas e exorcista. Também Jesus deu aos seus doze discípulos a autoridade para realizar estas operações, como sinal e demonstração de que o reino estava próximo (Mateus 10.7), e fez o mesmo para com os setenta discípulos (Lucas 10.8-9). Estes sinais evidenciaram a chegada do reino e a vitória conseqüente sobre Satanás e seu poder (Mateus 11.22-28 par.)

C. S. Lewis escreveu:

a crença em Deus inclui a crença nos seus poderes sobrenaturais.

Mas o maior milagre de todos inegavelmente era a ressurreição, tanto que muitos judeus da época de Jesus entenderam que era a maior das obras apocalípticas de Deus e pôde ocasionar a conversão do maior perseguidor da igreja primitivo, o Rabino farisérrimo Saulo transformado no Apóstolo apaixonado Paulo. Havia vários casos de ressurreição na Bíblia. São dez, a saber:

No Antigo Testamento:

  • O filho da viuva (1Reis 17.17-24)
  • A mulher sunamita (2Reis 4.32-37)
  • O homem que foi encostado nos ossos de Eliseu (2Reis 13.20-21)

No Novo Testamento:

  • O filho duma viuva (Lucas 7.11-15)
  • A filha do Jairo (Lucas 8.41-42; 49-55)
  • Lázaro (João 11.1-44)
  • Muitos santos que haviam morrido, depois da morte de Jesus (Mateus 27.52)
  • Jesus (Mateus 28.1-8)
  • Tabita (Atos 9.36-43)
  • Êutico, o jovem que dormiu e morreu durante o sermãozão de Paulo! (Atos (20.9-10)

Mas a ressurreição de Jesus não era como outras que a precederam e a sucederam. Todas as outras pessoas na Bíblia (e fora dela!) que foram ressuscitadas eventualmente morreram de novo. Jesus entretanto, está vivo no Espírito, para sempre.

Ou tudo isso é um grande engano? Desde o início é isso que muitos querem crer. Até ANTES da ressurreição de Jesus havia uma preocupação por parte dos líderes religiosos de evitar uma história (falsa) de Jesus havia morrido. Por isso, mandaram guardaram bem o túmulo (Mateus 27.62-66). E quando, para a surpresa deles e apesar desta vigilância toda, Jesus ressuscitou, os mesmos líderes inventaram uma história de roubo do corpo para explicar o ocorrido (Mateus 28.11-15). Mas nada disto adiantou, porque Jesus foi VISTO VIVÍSSIMO por muitos nos dias seguintes. Sabe por quantos? 517. Todos mentirosos? Todos loucos? Todos enganados? Impossível! Veja quais eram:

  • 1 = Maria Madelena (João 20.10-18)
  • 2 = dois discípulos andando para Emaús (Lucas 24.13-31)
  • 11 = os discípulos, sem e depois com Tomás (João 20.19-24; 25-29)
  • 500 = pelo menos 500 pessoas na Galiléia (1Coríntios 15.7)
  • 1 = Tiago (1Coríntios 15.7)
  • 1 = Estevão (Atos 7.55)
  • 1 = Paulo (1Coríntios 15.8)
  • 517 total

Termino com as palavras de Paulo:

E, se Cristo não ressuscitou, é vã a vossa fé, e ainda permaneceis nos vossos pecados. E ainda mais: os que dormiram em Cristo pereceram. Se a nossa esperança em Cristo se limita apenas a esta vida, somos os mais infelizes de todos os homens. Mas, de fato, Cristo ressuscitou dentre os mortos, sendo ele as primícias dos que dormem. — 1Coríntios 15.17-20

Nossa fé não é vã, não permanecemos nos nossos pecados, temos a vida eterna, e somos os mais felizes de todos os homens

VERSÍCULOS PARA DEVOCIONAL:

SEGUNDA-FEIRA: João 20.10-18
TERÇA-FEIRA: Lucas 24.13-31
QUARTA-FEIRA: João 20.19-24; 25-29
QUINTA-FEIRA: 1Coríntios 15.7
SEXTA-FEIRA: Atos 7.55
SÁBADO: 1Coríntios 15.8
DOMINGO: 2Timóteo 2.8

  1. Pastor : Joel de Portugal

    Com grande alegria vejo que Deus ainda revela suas obras para com os seus filhos. Este estudo é muito proveitoso,pois vem alucidar e fortificar os milagres que aconteceram , acontece e acontecerão nu futuro.Que Deus continue iluminando sua vida.

    • ‘Abriram-se Túmulos’ por Ocasião da Morte de Jesus. O texto de Mateus 27:52, 53, a respeito dos ‘túmulos memoriais que se abriram’ em resultado dum terremoto que ocorreu por ocasião da morte de Jesus, tem provocado muitos debates. Há quem diga que ocorreu uma ressurreição. No entanto, uma comparação com os textos a respeito da ressurreição deixa claro que esses versículos não descrevem uma ressurreição, mas um simples lançamento de corpos para fora dos túmulos, similar a incidentes ocorridos em tempos mais recentes, como no Equador, em 1949, e também em Sonsón, na Colômbia, em 1962, quando 200 cadáveres no cemitério foram lançados para fora dos túmulos por um violento tremor de terra. — El Tiempo, de Bogotá, Colômbia, 31 de julho de 1962.

  2. José Macedo Sá Barros

    Caro Timóteo:
    Todo o testemunho que se possa dar, em cada geração, acerca da ressurreição carnal de Cristo é importantísimo, para lembrar aos homens que são imortais. Muito obrigado pelo seu testemunho.
    Relativamente à argumentação bíblica utilisada, os 10 exemplos dados como prova da ressurreição, embora nos transmitam uma visualização prática de como ela acontece, não podemos considerá-los como uma ressurreição, mas sim como um retorno à vida, uma vez que todos eles voltaram a morrer.
    Um abraço
    Ora os homens sendo imortais, as suas obras, feitas na carne, os acompanharão para sua alegria ou tristeza.

  3. Obrigado José…

    pela sua contribuição1 Tradicionalmente a igreja cristã se refere a “ressurreição corporal” de Jesus ao invés que ressurreição carnal, isto, porque, enquanto Jesus ressurreto comia com os seus discípulos, estes não o reconheciam imediatamente, indicando que a sua ressurreição não era meramente carnal. Quanto ao uso do termo, “ressurreição”, para se referir aos outros 9 casos, este é o termo que os proprios judeus usavam e que consta nos seus escritos. Claro que, como nós mesmos observamos, a ressurreição de Jesus era qualitativamente maior, pois não morria mais como as outras pessoas faziam.

    Abraço…

  4. Timóteo, boa noite! Graça e Paz!

    Seu texto em muito edificou minha vida. Contudo, lendo os comentários um chamou-se a atenção: o do José. Lendo sua resposta, não vi nada que pudesse esclarecer se você concordou ou não com a afirmação:~”sendo o home imortal”. Creio que como teólogo protestante, não haveria espaço para tal concordância. Deixo aqui apenas uma palavra neste sentido, pois creio que a Bíblia, seja no A. T., seja no novo, não dá espaço para tal afirmação, pois a eternidade ou imortalidade não está condicionada ao simples fato de “ser humano”, pelo contrário, a esta condição (seres humanos decaídos) está atrelada a morte. A Ressurreição e a Eternidade, por consequência a Vida, vêm da Graça, por Graça e Misericordia, como ação única de Deus ao homem morto em seus delitos (João 3.16, 11.25 e carta de Romanos).

    No mais, que o Senhor continue a lhe usar. Em Brasília (durante a reciclagem dos pastores), ouvindo sua palestra, senti-me estimulado ao aprofundamento do Estudo da Palavra e seu ensino. És um Mestre!Abraços!

    Cleber B. Gouveia
    Ministro da IPIB.

  5. Boa noite, também, Cleber!

    Obrigado pela sua contribuição. De fato, escolhi argumentar contra o fundamento (espírita) da observação do José que se baseia na distinção entre “matéria” e “espírito” ao invés de entrar nos pormenores da sua observação a respeito da imortalidade do homem, que por sinal, como você, entendo como equivocado. Foi exatamente contra a imortalidade do homem, entre outras coisas, que Paulo argumenta em 1 Coríntios 15.

    Grande abraço…

  6. Paz!!!
    É de pessoas q compartilham o q sabem q estamos precisando, ainda mais msgens vindas do E.Santo, é maravilhoso conhecer este site, era td o q eu precisava, Deu te abençõe ricamente.

  7. Eu estava sozinha, converando com Jesus, assim como faria com uma amigo que estivesse na minha frente, resolvi entrar na internet, pois tive um duvida a respeito da seta feira da paixao, eis que deparei com este site, minha reposta foi imedita, para mim ele esta mais vivo do que nunca…obrigado.

  8. Pr. Paulo Roberto Delgado

    Fiquei feliz por ter encontrado o texto sobre o assunto. Estava levantando uma pesquisa com vista a construir uma mensagem para a minha congregação – estou terminando de pregar na primeira carta de Paulo aos Coríntios. Valeu irmão, continue assim dedicado.

  9. boa noite , quero agradecer pelas palavras de sabedoria contidas neste estudo, existe uma guande duvida sobre,sobre o item de mt 27,52 pois estes santos que dormiam e foram ressussitados com com ele sem duvida são do a t , essa ressulreição não foi um tipo de ressulreição temporal como a de lazaro ,que tornou amorer ,e sim um tipo de ressulreição eterna ,no que diz respeito a ressulreição podemos classificar da seguinte forma , (ressulreição ,temporal- eterna e escatologica ( por ocasião da vinda de jesus na sua primeira fase paulo disse e os que morerão em cristo ressussitarão primeiro, depos disse ele ( se referindo aos que naquela ocasião estiverem vivos) nos seremos arrebatados juntamente com eles e viveremos para sempre com o senhor -gloria DEUS…….

  10. Achei bastante interessante o assunto. Estava precisando desse ensinamento, principalmente do nº exato das pessoa que testemunharam jesus após a morte.

    Rua Nova
    Belém-PB, 29 de janeiro de 2011

  11. Paz e graça,em nome de JESUS,desejo que se encontrem sádio e abençoado.Desejo receber comentários bíblicos sobre fé,a mesma com solidez e profundidade total e única na PESSOA DO ESPIRITO SANTO,um forte abraço do irmão em CRISTO.Estou esperando receber em breve,DEUS os abençoe em CRISTO JESUS,Amém.

  12. Que A graça e Paz esteja com o amado irmão em Cristo, sobre o artigo postado em 2007 pelo o Irmão sobre resureição fiquei um surpreso quanto a quantidade , pois até então tinha a convicção que eram apenas 8 conforme cito abaixo;

    Três no Antigo Testamento (1º Reis 17 v 22; 2º Reis 4 v 35; 13 v 21) e Cinco no Novo (Mat 9 v 25; Luc 7 v 15; João 11 v 44; Atos 9 v 40; 20 v 9-11).

  13. Tão bom termos onde procurar e esclarecer a todos o real acontecido na ERA DE JESUS. Sou evangélica e leio muito, mas quão foi minha decepção qdo da missa de 7º dia de minha amada tia e mãe que era Católica, o “padre ” falou que João Batista foi ressucitado, além de não ter definido um sermão, ainda foi capaz de negar a óstia para uma católica. Vergonhoso a postura deste cidadão, pois sem querer julgar, não poderia estar na posição que se encontra. Graças vos dou oh DEUS, por ter-me aberto os olhos e me fazer encontrar o caminho certo no evangélio. Esotu indignada, e quero expor o fato para que isso não volte a acontecer e assim pessoas desistirem de evoluir na fé, independente de religião. Obirgada, meditem EDLEINE.

  14. parabens amado de Deus sabias palavras, o inimigo de nossas almas tenta nos desfocar , da presença de Deus usando homens ,nao vigilantes que caem nos laços dele, mas maior è o que estar em nos do que o que estar no mundo!

  15. Muito obrigado por esta informação, pois estou dando aula de Cristologia e estamos na parte da ressurreição, e justamente eu estava comentando com meu esposo o total de ressurreições que existe na Bíblia e está de acordo com as que o sr. mencionou, uma vez que a palavra ressurreição significa voltar a viver, a passagens e os acontecimentos anteriores ao de Jesus e posteriores são totalmente diferentes a ressurreição de Cristo que significa a prova da divindade de Cristo, prova que Ele era filho de Deus (Rm 1:4), e confirmou a verdade de tudo o que Ele dissera(mt 28:6). As demais somente foi uma demonstração do Poder de Deus.

  16. Como contribuição ao assunto Ressurreição sobre os casos registrados na Bíblia, alerto que o Antigo Testamento não tem apenas três casos de volta para a vida, mas quatro. O quarto caso é o da Ressurreição de um exército, a partir de ossos humanos, conforme descrito no capítulo 37 do livro de Ezequiel.

  17. Camilo Barbosa da Silva

    Se segundo a bíblia ao homem só é dado morrer uma só vez: Hebreus 9:27, como é que existem casos de 10 pessoas ressucitadas? elas estariam vivas até hoje aqui na terra, já que não lhe é dado morrer outra vez?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>