A maioria das mulheres das zonas rurais depende da terra, mas não tem direito garantido a ela.

pela Rev. Dra. Lydia Mwaniki

Leia Números 27:1–7

Números 27:1–7 apresenta um cenário em que as mulheres não tinham permissão para possuir terras. Na verdade, em Israel, as mulheres eram tratadas como propriedade do pai e, depois, transferidas para o marido por meio de um pagamento nupcial. Em sua humildade e sabedoria, as cinco filhas de Zelofeade influenciaram a criação de uma nova lei por Deus para permitir que as mulheres possuíssem terras.

As filhas de Zelofeade viveram no final do êxodo dos israelitas do Egito, enquanto eles se preparavam para entrar na Terra Prometida. À medida que o tempo passava no deserto e a população mudava, tornou-se necessário realizar um novo censo (Números 26:1–4). O objetivo do censo era ajudar a planejar as estruturas sociais e econômicas da nova nação. Deus disse que a terra deveria ser dividida entre as tribos proporcionalmente conforme o tamanho de suas famílias (Números 26:52–56). Cada chefe de família do sexo masculino recebeu um lote.

Zelofeade havia morrido sem deixar um filho do sexo masculino. Quando as filhas perceberam que o nome de seu pai seria excluído na hora de entregar as terras por não ter um herdeiro do sexo masculino, elas fizeram uma coisa extraordinária que nunca havia sido vista antes. Eles pediram a Moisés, a Eleazar, o sacerdote, aos chefes e à assembleia inteira seu direito de herdar a propriedade do pai. Em humildade, Moisés levou a questão a Deus. Deus respondeu que o pedido das filhas era justo e que elas deveriam receber a herança do pai.

Deus é justo e imparcial e não quer que as mulheres sejam desfavorecidas. Ele as vê como perfeitamente capazes de possuir e administrar terras.

QUESTÕES PARA DISCUSSÃO

  • Identifique de que maneiras os direitos das mulheres são violados em sua comunidade.
  • Que medidas práticas as mulheres e os homens de sua comunidade podem tomar para proteger o direito das mulheres à terra, bem como todos os seus outros direitos?
  • Que lições podemos aprender com esta passagem bíblica sobre o papel dos líderes na promoção da justiça de gênero?

__________________________________________________

A Rev. Dra. Lydia Mwaniki é a Diretora de Teologia, Vida Familiar e Justiça de Gênero da Conferência de Igrejas de Toda a África.

E-mail: lydiamuthonimwaniki@gmail.com

Retirado da Revista Passo a Passo 105 – Tearfund. Acesse aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>