REDE MÃOS DADAS: Como surgiu a Atuação Voluntária?

JULIANA HELPA: Desde 1991, um grupo de jovens de uma pequena Igreja Irmãos Menonitas na cidade de São José dos Pinhais, no estado do Paraná, realizava projetos sociais e missionários. O engajamento dos jovens em causas sociais era uma visível expressão do amor que eles tinham por Jesus. A partir de 2002, a Igreja passou a mobilizar projetos de voluntariado de curto prazo em parceria com a Missão Asas de Socorro. Gilson Helpa, atual presidente da Atuação Voluntária, era líder de missões da Igreja e passou a mobilizar outras igrejas para engajamento em projetos de voluntariado de curto prazo. No ano de 2006, desejamos iniciar projetos em escolas municipais na cidade de São José dos Pinhais, o que não foi possível, por sermos voluntários de nossa igreja. Naquelas circunstâncias pedimos direção a Deus e alguns meses depois, junto com outras famílias de amigos voluntários, decidimos que era necessário darmos um passo além do qual já havíamos dado e formalizarmos uma Associação de Voluntariado. Neste contexto, no dia 27 de abril de 2008, fundamos a Atuação Voluntária – Associação de Voluntariado. A sede da organização era o escritório de nossa casa. Nossa visão era mobilizar profissionais voluntários e servir em projetos de voluntariado.

RMD: Qual é a visão hoje? Continua a mesma? Que mudanças vocês percebem ser
necessárias para os próximos 10 anos?

JH: Nos últimos dez anos ampliamos muito a nossa visão e as nossas ações. De um
pequeno passo para atuar voluntariamente em escolas públicas e em projetos de
voluntariado de curto prazo, chamados “Projetos IDE”, criamos o Programa de
Educação Para a Vida e atuamos em quatro países atualmente. Nossa visão continua a mesma, mas atualmente ampliamos nossas ações a curto e longo prazo, atuando especialmente na área de educação. Nos próximos dez anos desejamos ter uma sede própria para operação administrativa do Escritório e pretendemos implantar o Programa de Educação Para a Vida em todos os países de Língua Portuguesa da África e em todas as regiões brasileiras.

RMD: Quais foram as maiores conquistas nestes 10 anos?

JH: Nossas maiores conquistas foram os voluntários, parceiros e materiais produzidos. Juntos servimos mais de dez mil crianças e famílias em situações de vulnerabilidade social no Brasil, Angola, Guiné Bissau e Moçambique, com base na Abordagem Educacional Por Princípios (em parceria com AECEP em Missões), que fundamenta o Programa de Educação Para a Vida. Nós oferecemos: material didático, assessoria pedagógica e capacitação de educadores sociais. Nossos voluntários produziram currículo completo para Escolas em Guiné Bissau da
pré escola ao 4º ano e o currículo utilizado no contraturno escolar no Brasil, Angola e Moçambique. O currículo visa a formação acadêmica baseada numa cosmovisão cristã para formação de líderes servidores. Anualmente realizamos o Projeto IDE, servindo com equipes de voluntários nos locais nos quais nossos parceiros atuam.

RMD: Como uma pessoa pode se envolver com este trabalho?

JH: Para se envolver neste trabalho, entre em contato conosco por meio de nosso portal www.atuacaovoluntaria.org.br , www.facebook.com/atuacaovoluntaria pelo whatts (41) 99675416. Participe conosco desta missão, glorificando a Deus e juntos servindo aos que servem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>