Santarém, no Pará, e Porto Velho, em Rondônia, são distante? De difícil acesso? Pense na possibilidade de entrar em um barco e navegar pelo Amazonas ou pelo Madeira, a distância parece ainda maior?

Agora pense em uma universidade boa. Onde ela está? Com certeza em um local incessível a à população que vive às margens desses rios. Pense em um pastor sempre atualizado. Onde está esse pastor? Em um local bem distante das comunidades ribeirinhas e indígenas.

Asas de Socorro foi chamada para abençoar comunidades em locais de difícil acesso, logo seus obreiros e pastores também são o nosso alvo. Segundo Ester Alves, uma das coordenadoras do Ferramenta Para Líderes (FPL), “no final de 2008, ouvimos dezenas de líderes pontuando suas grandes necessidades, entre elas, treinamento de uma liderança que pudesse implantar e pastorear as igrejas em comunidades ribeirinhas”.

Pensando nessa necessidade, Asas de Socorro oferece o FPL, um curso que aborda planejamento, estratégia, dinâmica da administração, metas, avaliação e outros princípios de administração.

O conteúdo com base bíblica permite a fácil assimilação dos conceitos administrativos por parte dos líderes e favorece o desenvolvimento de uma liderança cristã, que leva em conta os propósitos e as características de Deus.

O FPL já treinou dezenas de líderes, mas 2011 marca a sua volta para casa, com o foco em líderes de comunidades em locais de difícil acesso. Em abril, o Pará recebeu dois treinamentos: 16 pessoas em Novo Progresso e 60 pessoas em Santarém. No mês de agosto, em Porto Velho (RO), 25 pessoas também fizeram o curso.

Na sua simplicidade, João Bosco Caldeira diz: “Agradeço a Deus pela rica oportunidade que tivemos aqui em Santarém”. Assim respondemos: “Gratos somos nós, por podermos abençoar a Igreja plantada em locais de difícil acesso.”

 

Texto publicado originalmente no informativo institucional de Asas de Socorro, o Visão do Alto

________

Tábata Mori, 30 anos, é jornalista e coordenadora de Comunicação de Asas de Socorro

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.