Paisagem agreste do povoado Alto de Negras, em Itaíba (PE). Foto: Alison Worrall.

Paisagem agreste do povoado Alto de Negras, em Itaíba (PE). Foto: Alison Worrall.

O jornal Folha de S. Paulo de hoje (07/03) traz a triste notícia de desvio de verbas públicas destinadas a ajudar pequenos agricultores prejudicados pela seca no semiárido nordestino. Segundo o jornal, o Tribunal de Contas da União (TCU) apontou irregularidades no Garantia-Safra, programa gerido pelo Ministério de Desenvolvimento Agrário.

Os técnicos do TCU cruzaram as listas de beneficiários do programa entre 2012 e 2013 com outras bases de dados do governo federal e encontraram cerca de 35 mil cadastros com irregularidades em 2012 e outros 31 mil em 2013.

O jornal diz que donos de carros de luxo, vereadores e até um prefeito receberam verbas que deveriam socorrer os pequenos agricultores.

O programa no Garantia-Safra distribuiu R$ 1 bilhão em 2013. Cerca de 1,2 milhão de famílias de pequenos agricultores receberam R$ 850 cada, segundo o ministério.

  1. Jean Oliveira

    Vergonha brasileira. O socorro que vem pra os menos favorecidos é desviado pelos que nem precisam. Senhor não fará tu justiça?!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>