Quem não conhece as famosas declarações do Salmo 40 e não admira sua força diante das adversidades? Davi esperou e o Senhor o atendeu. Não existe nada mais fortalecedor para se ouvir em momentos difíceis da vida.

Mas essa não é a única lição que aprendemos do Salmo 40. Gosto de pensar em como Davi usava as suas experiências para testemunhar do Senhor. Sabemos, com base em diversos textos bíblicos, que as provações são uma excelente forma de ensino, de amadurecimento, de quebrantamento e também de evangelização. As nossas experiências, boas ou difíceis, são elementos sólidos para o nosso testemunho e nossa motivação para pregar. Quantas pessoas estão passando pelos mesmos problemas que você passou, com a diferença primordial de que não dispõem do conhecimento e do conforto de Deus?

Diante do resultado final, da benção de Deus na sua vida, Davi declara que “muitos verão essas coisas”. Enquanto durava sua provação, seu papel era de perseverar e esperar no Senhor. Uma vez concluída sua provação, seu papel agora seria de divulgador do amor e da fidelidade de Deus na sua vida.

Davi tinha plena convicção do impacto que suas experiências produziriam na vida daqueles que o ouvissem, pois ele declara “temerão e confiarão no Senhor”. Gosto sempre de encarar meus obstáculos diários, sejam pessoais, familiares ou ministeriais, como combustíveis para minha vida espiritual e como ferramentas que facilitarão a pregação do evangelho.

Creio que essa é uma grande carência na pregação de nossos dias, compartilhamos muito pouco aquilo que Deus tem feito em nossas vidas. As pessoas precisam conhecer o Deus pessoal das Escrituras, que se envolve conosco todos os dias e cuida de nós.

Use suas experiências como uma rica ferramenta de evangelização.

Eraldo Gueiros é pastor da Igreja Presbiteriana de Jordão Alto, Rcife, PE.

  1. Assim como na vida do salmista, toda experiência é única e pessoal. Ainda enriquece a pregação do evangelho dando vida, força e beleza. Todos quanto usam o Ministério da Palavra e o ministério do louvor precisam ter em memória as experiências marcantes de sua vida.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>