miseria

Com a politização nas redes sociais, vejo os meus amigos crentes se digladiando sobre cristianismo e visão política. Ouço coisas como “um cristão não pode ter essa ou aquela visão política”. Acredito que a discussão sobre política é saudável entre nós cristãos e temos que promove-la entre os nossos jovens, mas acredito também que para os que estão já vivendo a realidade do Reino de Cristo não podemos colocar nossa confiança na política, ela é menor que a nossa fé e nossa prática da sinalização do Reino.

Sempre recebo e-mails de missionários espalhados pelo mundo, isso é bem comum em missões, eles mandam notícias do lugar onde estão, falam das dificuldades e compartilham motivos de louvor. Continue lendo →

Os teólogos geeks, Marcos Botelho e Victor Fontana,  abordaram nesse episódio do teologeeks a polêmica do bloqueio de internet fixa pelas operados. Vai te apresentar o sr Amos Genish, o Darth Vader das operados, vai contar o que a VIVO quer com essas novas regras e como podemos lutar para termos uma regra mais justa sem retroceder nas conquistas que já conseguimos com a internet fixa aqui no Brasil.
Continue lendo →

Ouço muito dessa geração, de 20 a 35 anos, a declaração de que trabalham na vida para poder viajar. Isso sempre me incomodou, não porque eu não goste de viajar, muito pelo contrário, gosto bastante, mas porque vejo um claro desvio de finalidade vocacional.

Antes que venham os MIMIMIs, quero deixar claro que não estou falando contra quem gosta de viajar e quer conhecer novos países, sei que vou mexer em um axioma dessa geração e a chance de sair faísca nos comentários é grande.

Confesso que essa obsessão em conhecer o mundo todo não é natural da minha geração, mas como sempre servi a próxima geração com meu trabalho, comecei a ouvir e observar mais os jovens e seus argumentos, sonhos e projetos de vida. O que me revelou essa obsessão? Continue lendo →

12963462_1056854364357681_9106487055837241921_n
Nas últimas décadas as mulheres conquistaram muito o mercado de trabalho e se tornaram parceiras dos seus maridos no sustento da casa.

Hoje quando converso com novos casais vejo que quase não pensam mais no antigo formato do homem trabalhar fora e da mulher trabalhar em casa.
Como esse formato é novo, muitas lacunas não foram bem resolvidas ainda nas últimas décadas.

Uma delas é a educação e o cuidado dos filhos pequenos. A grande parte das mulheres quando são mães entram em uma crise logo depois que a licença maternidade acaba. Se vão se dedicar integralmente ao cuidado do filho nos primeiros anos ou de forma parcial.

Mas essa reflexão não é para falar das mães e sim dos pais. Continue lendo →