Blog

Plenamente satisfeito com Deus

  
Aprender a se alegrar com pequenas coisas é uma dádiva divina.Somos bombardeados de propaganda todos os dias, o dia todo. Dizem que hoje em um dia recebemos a mesma carga de propagandas que alguém recebia em uma vida toda no século XIX.

Pra vender alguma coisa na TV, revista, App, outdoor, etc… é inerente que se transmita uma mensagem logo no começo de que você está insatisfeito do jeito que está, e que consequentemente você precisa do produto que a propaganda está querendo vender.

Isso acontece o tempo todo, as propagandas nos mostram corpos perfeitos, e você com seus pneuzinhos; praias paradisíacas, e você no seu trabalho; pessoas com dinheiro, e você duro; pessoas comendo suculentos hambúrgueres, e você com fome; famílias felizes com seus Goldens, e você morando sozinho em um apê minúsculo.

Com essa enxurrada de “perfeição” vamos começando a ficar insatisfeitos com nossas vidas e vamos consumindo na esperança de encontrar a satisfação que vemos nos olhares dos atores das propagandas.

Como não é mais possível viver sem se deparar com centenas de propagandas todos os dias, temos que nos blindar com uma satisfação interior que nos mostre que mesmo sendo incompletos somos plenos.

Plenos no Deus que nos ama e cuida de nós. “O Senhor é o meu Pastor, e por isso não preciso de mais nada!” Salmos 23:1

Mais imagens e reflexões no Instagram @marcosbotelho

Quando sua vida devocional #Fail

  
Quando vamos conversar sobre vida devocional, hábitos de leitura bíblica e oração, quase sempre ouço a mesma desculpa, que por sinal é a que eu uso, não tenho tido tempo para ler a palavra e falar com Deus.

Limitamos nossa vida em orações rápidas em cultos, antes de dormir e comer e, lemos a Bíblia em brevíssimas paradas programadas no dia.

Mas um tempo atrás tomei um susto em uma visita que fiz a um amigo doente, ele tinha sofrido um acidente que o deixou em uma cadeira de roda, não saia de casa, não podia fazer o que fazia antes, tinha todo o tempo do mundo.

Foi quando perguntei como estava este lado da vida dele, de leitura da palavra e de oração e ele falou para mim, triste, que não fazia, sempre procrastinava, arranjava outras prioridades e estava percebendo que no fundo ele não tinha prazer em se relacionar com Deus.

Sei que este meu amigo era um servo de Deus e, por esta certeza, foi que me entristeci.

Comecei a ver o tanto que nos enganamos neste assunto, pois sempre temos tempo para ficar online.

Culpamos nosso trabalho, ritmo de vida, falta de ambiente, a TV, a internet, ou melhor, culpamos a falta de tempo, mas não vemos que o verdadeiro motivo é que não temos prazer nas coisas do Senhor, não é nossa prioridade o relacionamento com Deus, nosso coração não se importa o suficiente se não esta perto de Deus.

Entender o verdadeiro motivo pelo qual não nos relacionamos com Deus, irá nos humilhar sim. Mas será o primeiro passo para um relacionamento sincero com o Pai. Um passo para uma maior dependência Dele.

COMPARTILHE essa mensagem com teus amigos. 

Mais imagens e reflexões no Instagram @marcosbotelho

O algoritmo do mal

  
Hoje os algoritmos das redes sociais favorecem a polêmica, o ódio, o radicalismo. Todos têm sempre uma opinião, e todos se portam como defensores do que é justo.

Com isso se criou a corrente do mal, onde toda semana se cria um vilão, para gerar opiniões radicais, para rodar as redes sociais e venderem propagandas.

Temos sempre a opção da graça, da misericórdia, do amor, da moderação, do ponderar, do esperar a ira baixar para responder. Esse tipo de comportamento não gera tantas curtidas ou seguidores, mas gera uma corrente do bem.

Talvez você não vai fazer um post que bata os recordes, mas fará o bem. Não deixe sua gana por reconhecimento moldar seu comportamento nas redes sociais, você pode estar sendo apenas mais um elo da corrente do mal sem perceber.

É melhor ter verduras na refeição onde há amor do que um boi gordo acompanhado de ódio. Provérbios 15:17 (NVI)

Mande esse texto para seu amigo(a) que está fazendo da internet uma salada vegetariana de amor e compaixão.

COMPARTILHE essa mensagem com teus amigos.

Mais imagens e reflexões no Instagram @marcosbotelho

Dinheiro | Até que a Internet nos separe!

Conheça a nova serie ATÉ QUE A INTERNET NOS SEPARE!

Nesse episídio o assunto é DINHEIRO! #CasalBotelho #Mulher3em1

Dia do Rock

IMG_4112-0.jpg

Você já deve ter ouvido a expressão “está do jeito que o Diabo gosta!” Essa expressão revela muito sobre a teologia popular aqui no Brasil.

Como Deus enxerga a intenção do coração quando exercemos nossa parte artística, a gente chega a uma conclusão errônea de que ele não está nem aí com o belo, com talento das pessoas. Com isso chegamos a conclusão de que pra agradar o Diabo, que não sabe a intenção do coração, tem que estar bem afinado, tem que ser bonito, tem que ser gostoso e com Deus só precisa se preocupar com a intenção, não ligando para o resto.

A Bíblia narra que desde o começo Deus se preocupa com a ordem, o belo, o afinado, o bonito e o gostoso. E que o Diabo é quem quer estragar tudo, fica feliz com o desafinado, o caos, a desordem e o estragado; pois isso não reflete o Criador.

Hoje é dia do Rock and Roll e antigamente se falava que rock era do Diabo, mas não pode ser dele sendo tão gostoso de ouvir e tão bonito de se ver. Creio que no céu as harpas evoluíram para as guitarras e neste momento tem anjos tocando um bom Rock para as pessoas que estão lá e para Deus curtirem.

Marque seu amigo que vai fazer parte de uma banda de rock no céu por toda eternidade!

COMPARTILHE essa mensagem com teus amigos.

Mais imagens e reflexões no Instagram @marcosbotelho

Reciclando o lixo da alma

  

Onde você recicla seu lixo? Não estou falando do físico, e sim o da alma.

A agitação da grande cidade, a rotina exaustiva, as pequenas brigas com pessoas que amamos, o sistema religioso impiedoso, a mídia que ganha audiência com desgraças e o seus pecados geram muito lixo na sua alma.

Você pode criar um lixão lá e tentar esquecer que todo esse lixo existe, mas sempre o cheiro vai incomodar.

Precisamos ter amigos e mentores que ajudem a reciclar esse lixo da alma. Pessoas especiais que ouvem seu desabafo, acolhem com amor e te ajudam a reciclar com conselhos de sabedoria.

O reciclar nunca acontece naturalmente, começa com a conscientização e depois com a intenção clara de encontrar esse mentor. Não espere um mentor cair do céu!

Se o sábio der ouvidos, aumentará seu conhecimento, e quem tem discernimento obterá orientação. Provérbio 1:5 (NVI)

Compartilhe esse texto com seu amigo(a) e mentor(a) que você escolheu para a vida.

Mais imagens e reflexões no Instagram @marcosbotelho

Livre Interpretação ou Livre Acesso a Escritura?


Uma das coisas mais importantes da Reforma Protestante é a liberdade e o dever que cada um tem em ler a Bíblia e verificar se tudo que está ouvindo por aí é legítimo ao gabarito/Bíblia que Deus revelou.

Vivíamos um afastamento da Bíblia por diversos fatores: analfabetismo do povo, manipulação dos líderes religiosos, super valorização das tradições, obscuridade da interpretação bíblica.

O problema é que hoje o livre exame da Escrituras foi confundido com a livre interpretação. Fomos de um lado do pêndulo para o outro, e perdemos o equilíbrio outra vez.

Quando achamos que podemos interpretar a Bíblia de qualquer jeito, apenas para nos agradar, e não para encontrar o verdadeiro sentido do texto bíblico, voltamos a cometer o mesmo erro da “era das trevas”: analfabetismo funcional, manipulação dos líderes religiosos, super valorização do individualismo, obscuridade da interpretação bíblica.

Veja se a profecia de Isaías escrita em 600 anos a.C. é atual para os nossos dias:

O Senhor disse: “Esse povo faz um grande show, dizendo as coisas certas, mas o coração deles não está nem aí para o que dizem. Fazem de conta que me adoram, mas é tudo encenação, Vou entrar em cena e sacudi-los até que acordem, vou deixá-los atônitos. Os sábios, que se achavam capazes de explicar tudo, farão papel de tolos. Os inteligentes, que pensavam saber tudo, vão descobrir que nada sabem.

Ai de vocês, que pensam ter informações privilegiadas! Vocês deixam o Eterno de fora e agem nos bastidores, Maquinando o futuro, como se soubessem tudo, Agindo de forma misteriosa, dando o tapa e escondendo a mão. Vocês inverteram tudo! Tratam o oleiro como se fosse o barro. Será que o livro diz ao seu autor: “Ele não escreveu uma única palavra minha”? Uma refeição diz à cozinheira: “Ela não me preparou”?

Isaías 29:13-16 (A Mensagem)

Mais imagens e reflexões no Instagram @marcosbotelho