33 – Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz: tende bom ânimo, eu venci o mundo, por isso não tereis aflições.

[Está é uma serie de versículos da Bíblia NVTP (Nova inVersão da Teologia da Prosperidade) que tem como objetivo confortar e encorajar o leitor a prosperar na vida. Para isso, usamos a Bíblia NVTP que mudou detalhes da Palavra para adaptar-se melhor a teologia da prosperidade e ao capitalismo.]

  1. Daniel Leite Guanaes

    Fala Marcos,valeu pela indicação do blog lá no programa do JV na Estrada. Valeu tb pelas dicas. O Sr Barbi vai cuidar das imagens!AbsDaniel

  2. não axo nenhum protestante histórico, ou pentecostal, ou batista, emergente ou outro ramo do cristianismo menos “contribuinte” para esse sistema capitalista em que vivemos. E não concordo com tudo o que se prega na chamada teologia da prosperidade, mas percebo muitas criticas vazias de “pequenos burgueses” que só falam mal e só isso mesmo. Se esses grupos protestantes não quererem voltar aos principios biblicos, unidos, nenhum ramo irá encontrar equilíbrio. No mais gosto muito desse blog!

  3. Concordo com o que disse a Luciana. Após ter sabido que o Martin Luther King Jr., foi um líder protestante/maçom, fico hoje com um pé atrás a respeito de muitos líderes. Sou cristão, batizado, e não sou maior e nem me acho melhor que ninguém, mas o ridículo é: Cristãos tradicionais criticando os pentencostais, cristãos pentencostais criticando os tradicionais. E para mim o que acarretou todo esse sistema de “capitalismo” foram os próprios protestantes, indico a leitura de A Ética Protestante e o Espírito do Capitalismo (Max Weber). Eu acho ridículo dizer a respeito de capitalismo, quando você mesmo precisa disso para viver! Só quem critica a burguesia são os próprios burgueses, porque não precisam do que os menos favorecidos precisam. Fica a dica e fim de papo.

  4. Olha o que penso e acho tenho percebido que não interessa muito, vivemos num tempo que muitas vezes temos vivido o que a Congregação acha. A pouco tempo ouvindo um hino do cantor João Alexandre “é proibido pensar”, pude realmente constatar esta verdade. Sou Batista brasileiro (BATISTÃO/TRADICIONAL), e nem por isso sou do tipo que acha que tudo é invenção ou charlatanismo, penso que temos tido o pouco cuidado de visualizar os fatos da ótica de Deus. O que sei é que Deus cura, liberta, faz os demônios tremerem/correrem, faz maravilhas, prodígios e tantas coisas a mais, mas a essência de Deus é nos dar a condição em Cristo Jesus de morarmos nos céus, o resto é conversa fiada. As vezes explorando a internet vejo pastores falando mal um do outro, trocando criticas, respondendo a desaforos e INFELIZMENTE o que menos temos visto neste tempo é realmente o poder ALFA e OMEGA do Nosso Deus Agir em nosso meio. Fico preocupado com as novas gerações de CRISTÃOS que estamos formando, estariam eles alicerçados num firme fundamento ou estariam eles depositando suas vidas nas mãos de homem e mulheres que tem de forma planejada feito do Evangelho Santo e Eterno do Nosso Pai meio de ganharem dinheiro? Não sei a resposta, por isso sigo no firme fundamento que foi ensinado, não por que minha denominação é melhor, mais rica, mais culta que outra, nada disso, sigo por que sei que o que ela tem me ensinado me da a garantia de poder morar nas mancões celestiais com Cristo Jesus. Deus os abençoe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>