segundas-1024x231Por Clenir Xavier

“Jesus parou e disse: “Chamem-no”. E chamaram o cego: “Ânimo! Levante-se! Ele o está chamando.” Lançando sua capa para o lado, de um salto, pôs-se de pé e dirigiu-se a Jesus. “”, disse Jesus, “a sua fé o curou”. Imediatamente ele recuperou a visão e seguia a Jesus pelo caminho. Mc. 10: 49, 50 e 52

lifewords

Vá!

Outro dia eu visitava o projeto Casa Semente, em Jardim Gramacho, RJ, um dos parceiros da Lifewords, quando a coordenadora e educadora Adriane Maia me apresentou as crianças que haviam sido aconselhadas com a Bolsa Verde do Projeto Calçada. Todas posaram alegremente para uma foto. Uma menina em especial chamou minha atenção, quando quis uma foto só dela, com a tia e a bolsa, porque era a que tinha tido mais encontros do que qualquer outra, e se sentia a “campeã”. O fato de ela ter tido mais de um aconselhamento foi porque precisava e tinha maior dificuldade, no entanto, para essa garotinha as conversas lúdicas e particulares que teve com a tia, a fizeram se sentir muito especial e realmente mudou sua vida.

Vemos na Bíblia que Deus sempre aparecia àqueles que intencionava ensinar, pessoalmente, ou através de Jesus ou anjos. E depois desse encontro, a vida daquela pessoa era transformada. Foi assim com a jovem Maria, o jovem Samuel, Abraão, Jacó, Daniel, Moisés, o cego Bartimeu, a mulher samaritana…, comigo e com você. Continue lendo →


sextasPor Terezinnha Candieiro

“Porque um menino nos nasceu, um filho nos foi dado, e o governo está sobre os seus ombros. E ele será chamado Maravilhoso Conselheiro, Deus Poderoso, Pai Eterno, Príncipe da Paz”. Isaías 9.6

JesusQue maravilhosa promessa esta que lemos no livro de Isaías. Promessa que se cumpriu e precisa ser conhecida por todos os homens. O Natal nos traz à memória a mensagem do Deus que se esvaziou de Sua glória, tornando-se uma criança – o Deus-menino. Ele veio ao mundo para trazer paz aos homens de boa vontade.

Além de trazer a mensagem de salvação, o nascimento de Jesus, o Deus menino, resgata o valor e o reconhecimento dos pequeninos entre nós, pois o próprio Jesus nos diz: “Quem recebe uma destas crianças em meu nome está me recebendo” (Mateus 18.5).

Receber a uma criança é, portanto, receber a Jesus. E isso muda o “olhar” que direcionamos à criança e nos desafia a amá-la ainda mais, a valorizá-la, a protegê-la, a cuidar e a nutrir como alguém digno e muito importante para Deus Pai. Se assim não o fizermos, roubaremos dela o que de mais precioso Deus colocou em nós: um coração dependente do Pai. Continue lendo →

quintas2
A Sociedade Bíblica do Brasil realiza na próxima quinta-feira dia 18 de junho o 8° Seminário sobre Dependência Química. O evento é gratuito e conta com a participação de palestrantes e convidados especiais!

Para informações e confirmação de presença, ligue para (11) 3474-5733 / 0800 727 8888 ou acesse o site da SBB e faça sua inscrição AQUI!

O evento será realizado na:

Casa de eventos de Burueri
Avenida Pastor Sebastião dos Reis, 672 – Vila Porto
São Paulo – SP

Convite_WEB_sbb

 

quintasNo dia 27 de maio a Associação Lifewords Brasil manifestou mais uma vez seu posicionamento contra a redução da maioridade penal, em conjunto com vários conselhos, como o CONANDA, o CONJUVE, o CNPIR, e movimentos da sociedade civil, como a Frente Nacional Contra a Redução da Idade Penal, o FNDCA, e outros, quando participaram de uma Marcha contra a Redução da Idade Penal, em Brasília, da Biblioteca Nacional até o Anexo 2 da Câmara dos Deputados.

Essa mobilização foi definida na Plenária Nacional dos Conselhos e dos Movimentos Sociais contra a Redução da Maioridade Penal, com participação de 69 entidades da sociedade civil.

imagem 3A marcha contou com a participação de diversas crianças e adolescentes que seguravam faixas, usavam apitos e gritavam em alta voz que querem que os direitos das crianças e adolescentes sejam respeitados.

 

LANÇAMENTO DO PORTAL MAIOR IDADE PENAL!

Participamos ainda em Brasília, no mesmo dia 27, do lançamento do portal www.maioridadepenal.org.br. Um espaço de iniciativa da Fundação Abrinq com o apoio de diversos movimentos e organizações contrários à mudança na legislação, que reúne informações e dados estatísticos sobre o debate da redução da idade penal no Brasil, além da tramitação da Proposta de Emenda à Constituição 171/1993 no Congresso Nacional. O site também apresenta o cronograma das atividades da mobilização nacional contra a redução da maioridade penal. O lançamento do site faz parte das ações do Dia Nacional de Luta contra a Redução da Maioridade Penal e deve ser visitado por todos que desejam entender melhor essa questão. Continue lendo →

segundas-1024x231Por Cleisse Andrade

Tomando as crianças nos braços, impunha as mãos sobre elas e as abençoava.” Marcos 10:16

 

Foto para Texto 1Ter as crianças por perto e abençoá-las, foi o exemplo que Jesus nos deixou, relatados mais de uma vez nos evangelhos. Pensar que a criança é um ser humano completo, criado por Deus para ser amado e cuidado, nos responsabiliza. A criança tem necessidades físicas, que são as que mais urgentemente buscamos suprir.  Mas ela tem também necessidades emocionais; precisa se sentir amada, aceita, respeitada, incluída, etc. Apresentá-la quando nasce não é suficiente. A criança deve ser visitada quando está doente, deve ser consolada quando enfrenta o luto, deve ser compreendida diante de um fracasso escolar, deve ser encorajada diante de uma vitória, e não são tarefas somente da família, ela também pertence à igreja.

 

Ouvir a criança a ensina que o que ela pensa é importante e tem valor. Quando o ouvinte demonstra interesse genuíno, ela abre o coração e compartilha seus sentimentos e opiniões. Até mesmo situações ocultas vem à tona diante de um ouvido atento e interessado. Ouvi-la também para conhecer suas necessidades e atendê-las, sejam quais forem. Porque não ouvi-la também para envolvê-la na escolha das atividades do ministério infantil? Ela Pode escolher os brinquedos, opinar sobre cores na pintura das salas, expressar seus sentimentos quanto à equipe, etc. Continue lendo →

 

Day Care Graduation

Participe você também!

Agora estamos chegando na reta final!

 

Faltam apenas 2 dias para o 20º Mutirão Mundial de Oração pelas Crianças e Adolescentes Socialmente Vulneráveis, e você e sua igreja não podem ficar de fora deste momento tão importante. Contamos com sua participação!

 

Visite nosso site e baixe o material de apoio disponível. Lá você encontrará o cartaz, o guia de oração, um power point com fotos e motivos de oração, reflexões para o mmo, vídeo, liturgias, fotos e muito mais.

O tema este ano é “Jesus presente na infância de cada criança”.

 

Participe conosco.

 

Baixe o material de apoio AQUI!

 

Participe das 40 Horas de Oração no Facebook, (Clique aqui!)

 

MD28 Pag 20dPor Petrúcia de Melo Andrade

Defendemos uma segurança pública que de fato promova a segurança da população, mas os dados e os fatos apontam para outra realidade. Segundo o Fórum Brasileiro de Segurança publica – 2015, os jovens negros e pobres são as principais vitimas, estão em situação de maior vulnerabilidade a violência, somos o quarto pais que mais mata no mundo temos a terceira população carcerária do mundo com mais de 715 mil pessoas e 400 mil mandatos à cumprir, 70% dos policiais fazem segurança patrimonial. Parece justo “punir e eliminar o mal”. Mas, nascer num país cheio de desigualdades, onde a segurança pública não contemplam crianças e adolescentes nem a comunidade em geral é justo?

Na politica pública do passado, a infância estava em situação irregular em relação ao Estado. Hoje é o ESTADO que se encontra em situação irregular em relação a criança e ao adolescente, porque negligencia seus direitos básicos. Continue lendo →

 O Ariovaldo Ramos também vai orar conosco pelas crianças!

Assista o vídeo!

Cristãos em todo o mundo se unirão para orar por crianças e adolescentes em vulnerabilidade social no 20º Mutirão Mundial de Oração (MMO), que acontecerá na primeira semana de junho (5 a 7). A campanha deste ano tem como tema “Jesus presente da infância de todas as crianças”, com base na passagem bíblica do evangelho de Mateus 28.20: “E lembrem-se disto: eu estou com vocês todos os dias até o fim dos tempos”.

 

_ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _

Este vídeo nos remete ao tema do Mutirão Mundial de Oração deste ano, “Jesus presente na infância de cada criança”. Participe!

segundas-1024x231

Por June Ribeiro

Nati está se formando em Psicologia. Atualmente, ela mora sozinha, mas dos 3 anos em diante até sair para cursar a Faculdade morou com a sua avó, uma senhora simples, gorducha e amorosa. Sua mãe “morreu matada” quando ela ainda era pequena. Somente anos mais tarde foi que ela soube que o pai que ela nunca vira havia atirado na mãe.

Jesus e a Velhinha

Eu estou aqui, eu amo você!

Em seus primeiros dias na escola, ainda na Educação Infantil, ela se sentia um pouco estranha, pois suas roupas e materiais eram diferentes dos demais. A maioria deles muito simples comprados em lojas de artigos importados, destas de R$1,99. Outros lhes foram doados pela patroa da avó, após terem sido usados pelos filhos delas. No dia do brinquedo,  Nati geralmente não levava nenhum e muitas vezes ficava sem brincar. No dia das mães e também no dia dos pais e em todos os outros dias, era sempre a vovó quem comparecia, quando a patroa liberava. Chegava discretamente, vestida com o seu uniforme de cozinheira. Pedia licença, cumprimentava a professora, sorria para Nati e dizia no ouvido dela: – Eu estou aqui, eu amo você.  Aquele sorriso suave e aquelas frases tinham um efeito de chocolate quente em dias de muito frio.

Os anos foram passando e, enquanto não aprendia a ler e a escrever, Nati tinha que prestar ainda mais atenção a tudo o que era dito na sala. Como vovó era analfabeta, ela não podia ler os bilhetes e nem ajudar nos deveres de casa. Foram muitas as vezes em que Nati  levou uma anotação negativa por não ter cumprido alguma tarefa. Às vezes ela achava que os colegas estavam rindo dela, principalmente quando a vovó era chamada na escola. Ela sempre aparecia com aquele avental e com aquele sorriso e nunca saia sem antes repetir: – Eu estou aqui, eu amo você!

Nati sempre quis ter uma família grande com pai, mãe e irmãos. Queria ter gente por perto, quando chegasse da escola e queria ter um irmão para brigar, como as demais crianças. Na adolescência, quando menstruou pela primeira vez, sentiu muito medo e achou que estava morrendo. Às vezes, ela chorava quietinha abafando as lágrimas com o travesseiro e, quando menos esperava, uma mão gordinha acariciava seus cabelos e uma voz quentinha repetia: -Eu estou aqui, eu amo você. Continue lendo →

quintasPor Gisele Reikdal Kallaur

A violência sexual é um problema real no Brasil. Em 2014 o Disque 100 recebeu 91.342 denúncias de violação de direitos, destes 25% são relacionados a violência sexual. Segundo o mapeamento da Polícia Federal de 2013/2014, há 1.969 pontos vulneráveis nas rodovias; 56% críticos destes são direcionados à prática de exploração sexual.

É preciso dizer também que a criança é o elo mais fraco desta cadeia ímpia. Na última segunda-feira, dia 18, a sociedade relembrou o Dia Nacional de Enfrentamento ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. A pergunta que fazemos é: o que estamos fazendo, como cristãos, diante deste desafio tão complexo e que aflige milhares de crianças em nosso país?

Bola na Rede

Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

A RENAS/Bola na Rede tem mobilizado organizações, igrejas e redes locais para o enfrentamento do abuso e da violência contra crianças e adolescentes. Vários grupos em diferentes cidades se mobilizaram e foram para as ruas pedir proteção para as crianças nos últimos dias. É encorajador ver um grupo tão diverso, unido em prol de uma causa. Sim, somos um em Cristo. Fortalecidos em seu amor, podemos fazer grandes coisas para a Glória d’Ele. Continue lendo →