Wood swing in the green garden

“[…] graça sem exigir nada em troco.”

“Nos últimos dias de sua vida, na sua casa no norte da Flórida, minha avó tinha um balanço na varanda. Ela gostava de sentar e balançar enquanto cantarolava hinos antigos. Posso ainda vê-la lá, usando um lenço na cabeça, um detalhe da quimeoterapia em sua marcha ininterrupta. Quando eu, ainda jovem, a visitei, ela sempre me convidava para me sentar com ela no balanço. Ela dava um tapinha nas minhas pernas e dizia “Querida…”

Por toda a vida da minha avó — e não obstante a sua dor — sempre houve lugar para mim no seu balanço. Se eu fosse explicar graça, eu pintaria um quadro daquele balanço. Lá eu nunca tinha de me explicar ou me preocupar, não interessava o peso que por ventura estivesse carregando. O balanço na varanda–a presença de minha avó–compartilhava graça sem exigir nada em troco.”

 

Publicado originalmente: 

Sanctuary: Creating a Space for Grace in Your Life by Terry Hershey, e traduzido por Elsie Gilbert.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>