Gente, eu ia escrever um texto todo adulto sobre a importância da brincadeira no desenvolvimento das crianças.  Desisti. É muito mais divertido ler o depoimento das pessoas abaixo, algumas conhecidas, outras não, angariados pelo Facebook neste fim de semana. São depoimentos de ex-crianças que souberam aproveitar o melhor do ser criança num tempo que a infância era diferente desta vivida pelos nossos filhos hoje!  Deixemos a análise sobre o papel da brincadeira na vida de toda criança para depois (e ela virá, eu prometo).

Elsie B. C. Gilbert

2013.10.14_Brincadeiras3

Crianças brincando no pátio da Rebusca, Viçosa, MG

 

Brincar de Barbie (Talita Bezerra Rezende)

Adorava brincar de pique e pega (Beatriz Aparecida de Paula)

Bandeirinha e andar de bicicleta na chuva (Alexandre Rosa Rodrigues)

Cinco Marias e Boca de forno… (Fátima Silva)

Bandeirinha e pique esconde!!!! (Tereza Bf Rocha)

Futebol com certeza… (Fagner Tiago Santos)

Pular corda (Ruth Zanette)

Amarelinha (Márcia Cavalcalcante)

Ai eu gostava de um monte de coisas, mas o taco e o cemitério era demais… (Renata Xavier)

Eu gostava de jogar queimada! (Graziele Dias)

Se bem que tinha um tal de caí no poço…(Kleibe De Moraes Silva)

As que mais gostava era amarelinha, pique bandeira e queimada. Mas não podia faltar o esconde-esconde. (Miriam Zanutti Andre Oliveira)

Subir em árvore, correr no muro e astronauta. Eu deveria ser atleta…  (Ana Luz)

Jogar bola, subir em árvore, jogar boleta, soltar pipa e por ai vai… (Denislon De Carvalho Cosmo)

Amarelinha (Jordanya Mendes)

Amarelinha (Tábata Mori)

Sem dúvida, o baseball brasileiro: Bets (Juliano Souza Silva)

Pedalar! (Wesley Cultura Ciclistica)

Era ler (Talita Lessa )

Esconde-esconde, correr e pular, pedalar, andar de patinete e andar de carrinho de rolimã (Amauri Barroso)

Minhas amigas e eu tínhamos um clube, éramos as “irmãs de água”. (Tayssa Botelho)

Amarelinha, bicicleta, pega pega, esconde esconde…todas as brincadeiras com minhas três irmãs (Luciane Marques Do Nascimento)

Barra-bandeira, Gemerson, sete pecados, geral, pega-pega (que na minha cidade chamávamos de “pira”)… (Phelipe Marques Reis)

Brincar com bonecas (Sandra Pereira)

Esconde- esconde, amarelinha, pega-pega, elástico, pular corda, seu mestre mandou, queimada, lencinho branco, eram tantas brincadeiras que não consigo mencionar aqui.. (Rosemeire Ferro)

Sorrir! (Martha Santos Lima)

Boneca, esconde esconde, casinha e professora. (Silvania Ferreira) 

Amarelinha, pular corda, pião, fura chão, bila, esconde-esconde, bandeirinha, casinha, futebol, boneca, correr em cima do muro. (Marileuda Silva)

Brincar e amarelinha… pira… garrafão… (Rosana Pires)

Fazer tamancos de latas e andar neles, adorava bandeirinha, tacos, queimada, elástico, garrafão, rolimã, pula corda,…enfim ser criança na minha época era muito divertido, meus filhos só sabem jogar jogos eletrônicos porque é perigoso estar na rua, passa muito carro e não temos quintal. (Flavia Leite)

Pique-pega e pique-esconde! (Márcio Fernandes)

Elástico! (Érica Santana)

Carrinho de rolimã (Jean Carlos Vieira de Almeida)

Queimada, pingue pongue, amarelinha… (Rosangela Romero-Zelair Calderan)

Mãe da mula (José Roberto Nascimento Pereira)

Bonecas, pular corda, e brincar com os meus irmãos (Janaina Nataly)

Minha brincadeira preferida era jogar futebol. (Kely Viana)

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>