Bem-aventurados aqueles que entendem por que sempre tropeço e minhas mãos tremem. Bem-aventurados aqueles que sabem que meus ouvidos agora fazem força para ouvir o que dizem. Bem-aventurados os que provam saber que meu ânimo baixo está e meus olhos mal podem ver. Bem-aventurados são eles, eu sei, que hoje cedo não reclamaram quando na […]

Continue lendo →

Por Paul Tournier A vida parece longa demais quando se é jovem, enquanto que, ao contrário, parece muito curta na velhice. Também a carreira profissional parece muito longa quando se começa e muito curta na etapa final. Quando somos jovens pensamos que algum dia faremos tudo aquilo que ainda não pudemos fazer; à medida que […]

Continue lendo →