Por Rafaela Senfft A arte tornou-se assunto privado, coisa reclusa à vida pessoal. A este respeito, Walter Benjamin chegou a falar de uma perda da “aura” das obras de arte. É certo, portanto, como já observara Hegel, que a arte não desempenha entre nós o papel central que desempenhava na vida coletiva, como era o […]

Continue lendo →

Por Rafaela Senfft Sonhei que estava colando paetês em bananas. Soa estranho. Como a maioria dos sonhos, é engraçado e ilógico; mas permaneci pensando sobre este e não é tão ilógico assim. A arte surrealista nos ensina, pela justaposição de objetos aparentemente sem sentido, a entender coisas importantes na vida; só que a gente despreza o […]

Continue lendo →