Por Jeferson Cristianini

O discipulado tem três estágios na vida cristã. Esses estágios são vivenciados um após o outro, cada um na sua sequência lógica estabelecida por Deus. Os estágios do discipulado são: “Vinde a mim”, “Vinde após mim” e “Ide”.

No primeiro estágio do discipulado, no “vinde a mim”, Jesus graciosamente está chamando as pessoas ao arrependimento e a uma nova vida. Dessa forma, nosso Senhor convoca pessoas de diferentes localidades, posições e classes sociais para o mais radical de todos os projetos de vida, segui-lo.

Jesus chama os pecadores ao arrependimento com o “siga-me” ou “vinde a mim”. Jesus nos chama para uma nova vida, para uma nova possibilidade de reescrevermos nossa vida a partir do referencial da graça e do perdão de Deus. É magnífico ouvir Jesus nos chamando, “vinde a mim”, ou o sussurrar de Jesus nos convocando com a voz mansa “siga-me”.

O segundo estágio do discipulado é o “vinde após mim”. Esse estágio é difícil pois é nele que começa o processo de transformação em nosso ser. É quando Jesus vai operando em nossa vida de tal forma que muitos conceitos e atitudes são reprovados e os valores do reino de Deus vão sendo impressos em nossa mente e coração.

É nesse estágio que aprendemos com Jesus a andar em conformidade com a vontade de Deus, a amarmos ao Senhor acima de todas as coisas, a honrarmos os mandamentos. É nesse estágio do discipulado que aprendemos a morrer para nós mesmos e vivermos para Jesus Cristo; aprendemos a renunciar muita coisa por amor ao nosso Mestre.

O terceiro estágio, o “ide”, é desafiador e maravilhoso. Desafiador porque temos que colocar em prática todas as lições aprendidas, ao ensiná-las aos outros. E maravilhoso justamente porque passamos a discipular vidas a partir do que aprendemos com o Mestre.

Esse estágio do discipulado nos leva à responsabilidade de ensinarmos outras vidas preciosas a também seguirem a Jesus, como Mestre e Senhor. Esse estágio só pode vir depois dos demais. Só com experiências com o Senhor Jesus é que podemos apontá-lo como alvo de nossa vida. Esse estágio nos chama para o trabalho de levarmos a mensagem do evangelho às vidas que carecem da graça e do perdão de Deus. É o estágio da transmissão da mensagem e do aprendizado.

Não sei qual estágio você está, só posso dizer: aproveite cada momento do discipulado!

  • Jeferson Rodolfo Cristianini é pastor da PIB Bauru.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>