E-book_vocação_juventudeGeralmente, quando o tema missões é tratado nas igrejas o imperativo “IR” fica em evidência. Sim, é importante ir, cruzar fronteiras e anunciar o evangelho de Jesus aonde ele ainda não foi anunciado. Mas, e aqueles que ficam? Será que eles não têm uma vocação? Existe vocação para ficar?

É sobre isso que a Katsue Fernanda fala no seu artigo “Vocação para ficar” e que você pode ler no E-book “Vocação e Juventude”. Além de histórias de gente que embarcou na jornada de descoberta vocacional, você também poderá acessar dicas práticas que podem lhe ajudar a descobrir seu papel no mundo. Desde seu lançamento, em julho deste ano, o e-book já teve mais de mil downloads no Portal Ultimato.

>>> BAIXE DE GRAÇA O E-BOOK VOCAÇÃO E JUVENTUDE <<<

Leia um trecho da história da Katsue Fernanda:

*****

Estou entendendo. Deus precisa do seu dinheiro para manter missionários no campo, certo?”

Esta confrontação, vinda de um missionário e disfarçada de pergunta, passou a me incomodar profundamente. Eu estava prestes a me formar em administração, com ótimas oportunidades no mercado de trabalho. A lógica era óbvia: de um lado, a opção de usar meus talentos para ganhar dinheiro e sustentar vários missionários no campo. Do outro, teríamos “euzinha”, uma única pessoa, indo para o campo. Sem nem mesmo entrar no mérito de minhas limitações, falhas e pecados, convenhamos que numericamente já fizesse sentido eu ficar.

Pois bem, a matemática de Deus parece ir além dos nossos tão elevados pensamentos…

O incômodo foi crescendo com o passar do tempo e me deparei com uma crise de identidade, de vocação. Quem eu sou? Para que eu sirvo? Qual o meu papel no mundo? Seria mesmo sustentar missões financeiramente? “Talvez sim” era uma resposta sincera – tão sincera como o “talvez não”.

Como decidir? Simples: um mochilão de volta ao mundo por um ano. Juntei as economias, conectei-me com pessoas, escolhi alguns países, consegui aprovação de meus pais, pedi licença no trabalho e coloquei o pé no mundo com a seguinte questão na mochila: “qual o propósito da minha vida?”.

*****

Quer ler história completa? Baixe já seu o seu Vocação e juventude. É de graça! Clique aqui.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>