Uma palavra nova Para iluminar a nova manhã Uma idéia nova A cor, a flor temporã E mais uma cantiga nova Cheiro de limão, sabor de maçã O brilho da viola Lá na praia de Itapuã E mais uma janela aberta Para receber a brisa do mar E uma vontade certa De o coração navegar […]

Continue lendo →