“A mão” (Gladir Cabral) A mão que assina um documento em Brasília Desmata mais que uma floresta em Manaus E deixa a fome devorar as cidades E suas bordas derramadas em pleno caos A mão que assina um documento em Brasília Decide a sorte dos que nunca lerão Uma palavra escrita sobre um papel qualquer […]

Continue lendo →