Esta é uma canção de ninar para tempos de turbulência, como os nossos, tempos em que olhamos para nossos filhos, depois para o futuro, depois para os nossos filhos… Queremos dedicá-la às crianças que sofreram tanto com as enchentes no Rio de Janeiro, principalmente àquelas que perderam tudo, inclusive seus pais. Mas queremos dedicá-la de […]

Continue lendo →

Fazer esta canção foi um prazer. Ela expressa a importância de ter alguém desafiando a gente à comunhão, incomodando os acomodados, alertando para os espertalhões que existem por aí e andando junto dos que sofrem. Imaginamos três momentos: o primeiro, do mutirão pela reconstrução das casas destruídas em Teresópolis, Nova Friburgo e Petrópolis; o segundo, […]

Continue lendo →

Esta canção foi uma das mais difíceis de serem escritas até aqui. Teve um tempo relativamente longo de gestação, talvez pela intensidade emocional que está ligada a ela. Quisemos usar a expressão popular entre os falantes da língua portuguesa: “Valha-me, Deus”, que geralmente sai de nossa boca em momentos de muito apuro ou desespero. Nossa […]

Continue lendo →

Esta canção faz parte do Projeto “Canção para o Rio” e tem duas intenções bem claras: fazer uma homenagem ao compositor popular que foi o Cartola e chamar os que sofrem para ouvir a voz da esperança. Acabou de nascer. Ainda ontem eu estava pensando: o que Cartola teria a dizer ao povo do Rio […]

Continue lendo →

. As nuvens pesadas ameaçavam derramar dilúvios sobre as cidades já destruídas. Sombrias, pesadas, faiscando raios e trovões, tirando o sono e quem sabe até a esperança de muitos, elas dominavam a paisagem e raptavam o sol. Por mais ameaçadoras e destruidoras que sejam, as nuvens passam. Foi o Thiago que veio com essa idéia, […]

Continue lendo →

Depois de uma longa caminhada pelas áreas atingidas, conversando com pessoas, ouvindo histórias, levando mantimentos, vendo de perto a dor dos desabrigados, José Barbosa Junior volta pra casa e escreve isto: . . Solidar . Só quem lida com a dor sólida, forte e atroz sofre o seu dissabor garganta fechada em nós . Solidão […]

Continue lendo →

Queridos amigos, respondendo a um grande desafio do momento, Thiago Azevedo, Fabrício Matheus, José Barbosa Júnior e eu estamos envolvidos num projeto de criar uma série de sambas de lamento. A idéia é desabafar junto com o povo e buscar consolação, solidariedade, alguma esperança possível diante da forte correnteza do desânimo e do abatimento geral. […]

Continue lendo →