O que quer que seja a vida, é mistura de aparente aleatoriedade com uma inexplicável ordem. De um lado, caminhamos como se construíssemos a própria estrada enquanto que nos movemos. Mas por outro lado, há uma espécie de silêncio no meio da noite que diz que tudo está em paz, tudo segue seu curso. O […]

Continue lendo →

Uma jovem pobre de um lugarejo desimportante. Em suas mãos uma missão nunca antes realizada. Em seu ventre o Divino vira embrião e cresce. O transcendente se encontra com o singelo cotidiano (aconteceria novamente no encontro do exército de anjos com os pastores na noite campestre). Perguntas e respostas não estão em jogo, mas tão […]

Continue lendo →