O amor me constrange. Mas nem sempre isso é um fato feliz. Nem sempre é agradável perceber que me falta amor quando deveria sobrar. Falta-me amor nas coisas mais complexas e também nas mais simples da vida. Não falo por pretensa humildade. Falo por realidade. Eu até viveria razoavelmente bem com esta situação se não […]

Continue lendo →

  Amor não é só proximidade. É também distanciamento. É sentir o vazio, o buraco que ficou, a lembrança quando não há mais ninguém por perto. A literatura deve muito ao distanciamento. Não fosse, como explicar tantos livros sobre memórias da infância? Ora, só valorizamos o que fomos porque infelizmente não somos mais aquele menino. […]

Continue lendo →

Amor é pó, e ao pó voltará; Pequeníssimas pedras que se juntam E fazem do caminho leveza E molduram o balanço dos mares. Amor é ajuntamento; Tão profundo que funde Duas vidas, dois sonhos Que faz de um, dois E de dois, um. Amor é o vento que balança Os cabelos da menina Torna tudo […]

Continue lendo →

“Como o Pai me amou, assim eu os amei; permaneçam no meu amor”. (João 15.9) “Simão, filho de Jonas, tu me amas?” (João 21.16) Porque tu és a minha rocha e a minha fortaleza; assim, por amor do teu nome, guia-me e encaminha-me. (Salmos 31.3)   O maior mistério da vida não é a origem […]

Continue lendo →