Arquivo | Ética RSS for this section

O meio ambiente, os relacionamentos e a lei – Estudo 2 [Tearfund]

Para levar as questões ambientais a sério é preciso compreender o que a Bíblia diz sobre o assunto.

ESTUDO 2 da série de estudos bíblicos produzidos pela Tearfund que nos ajuda a descobrir o que Deus pensa sobre o meio ambiente e qual deve ser a nossa resposta.

Continue lendo

O meio ambiente do ponto de vista de Deus – Estudo 1 [Tearfund]

Os cristãos deveriam se importar com o meio ambiente?

Deus se importa com a criação. E Cristo morreu e ressuscitou não apenas para nos reconciliar com Deus, mas para reconciliar o restante da criação com Ele também. Como responder a esse presente e também à essa responsabilidade?

ESTUDO 1. Confira a série de estudos bíblicos sobre o meio ambiente, produzidos pela TearFund, a propósito da Semana do Meio Ambiente.

Continue lendo

O lugar da mulher

Homem e mulher foram criados por Deus iguais e, ao mesmo tempo, diferentes. Mas a desobediência de ambos provocou uma ruptura na harmonia criada por Deus. A interdependência deu lugar à competição; o respeito mútuo sucumbiu ao autoritarismo; a relação deu lugar à exploração.

Como lidar com essas tensões em nosso contexto familiar? E na igreja? O que tem influenciado nossas abordagens e atitudes: a cultura ou o projeto de redenção em Cristo?

Continue lendo

Jesus Cristo: tropeço ou fundamento?

ESTUDO BÍBLICO | Série Revista Ultimato – edição 364

No conhecido “sermão da montanha” Jesus advertiu seus ouvintes sobre a importância de sermos responsáveis por aquilo que ouvimos e aprendemos. No estudo bíblico de hoje também somos desafiados a pensar acerca do fundamento sobre o qual fazemos nossas escolhas. E, o próprio Cristo é a “pedra angular”. Ou não. Pode ser também a “pedra de tropeço”. A escolha é nossa: “Não ajustamos Deus à nossa vida; é ele que nos ajusta à dele”.

Continue lendo

A fé (e o homem) que deixou Jesus admirado

ESTUDO BÍBLICO | Série Revista Ultimato – edição 364

A autossuficiência humana, que é uma espécie de filhote do nosso orgulho, pode se tornar um grande empecilho para o reconhecimento de nossa completa dependência da intervenção de Deus. O estudo mostra um homem que parece ter entendido que não possuía merecimento algum diante de Jesus, e que portanto dependia totalmente da boa vontade Dele. Esse exemplo de entrega e de fé ainda é válido para hoje?

Continue lendo