Afastem de mim o som das suas canções e a música das suas liras. Em vez disso, corra a retidão como um rio, a justiça como um ribeiro perene! (Amós, 5.24, NVI) As Escrituras Sagradas não nos deixam à vontade no que diz respeito à justiça social. Ao contrário, elas criam incômodos problemas de consciência, […]

Continue lendo →

“Ninguém pode explicar, por si mesmo, uma profecia das Escrituras Sagradas.” (2Pe 1.20) Não se acha a palavra Bíblia na Bíblia. Ela não existia na época dos profetas e dos apóstolos. Para se referir aos livros inspirados do Antigo Testamento, dizia-se Escrituras Sagradas, expressão que aparece mais de cinquenta vezes no Novo Testamento. Em nossas […]

Continue lendo →

Ao se referirem às pessoas de idade, as diferentes versões das Escrituras Sagradas usam um vocabulário enorme, desde o idoso, o ancião, “o bem velho”, “o muito velho”, o encanecido, o indivíduo de cabelos brancos e “os anciãos de venerandas cãs” (Jó 15.10, BJ) até as expressões mais generosas, como “o entrado em dias”, “o […]

Continue lendo →