O menor ato de doar

quinta-feira
quinta-feira

Estamos intimamente comprometidos nessa colheita. Quem consentir no que vocês fazem estará aceitando a mim, ou seja, aquele que enviou vocês. Qualquer um que aceita o que eu faço aceita meu Pai, que me enviou. Acolher um mensageiro de Deus é tão bom quanto ser mensageiro de Deus. Aceitar ajuda de alguém é tão bom quanto ajudar alguém. Convoquei vocês para um trabalho difícil, mas não desanimem! É melhor um começo humilde. Por exemplo, dar um copo de água a um sedento. O menor ato de dar ou receber faz de vocês aprendizes. Vocês nunca sairão perdendo. (Mateus 10.40-42)

Nossa aceitação dos outros e o serviço que lhes prestamos não precisam deixar-nos preocupados quanto a quem é digno, quanto àquilo que tem prioridade: Cristo está presente em todos, em toda parte. Nossos atos de confiança e compaixão, de testemunho e ajuda, são antecipados pelos dele e se realizam nos dele.

Quem são alguns dos “pequeninos” em sua vida?

Sonho, Pai, em fazer grandes atos no serviço em teu nome; entretanto, há pequenas oportunidades para ajudarmos à nossa volta. Mantém-me fiel nas menores tarefas, descobrindo tua presença em pessoas ignoradas e em lugares desconhecidos. Amém.

>> Retirado de Um Ano com Jesus [Eugene H. Peterson]. Editora Ultimato.

Print Friendly

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário