A reconciliação foi o tema central do segundo dia, baseado no capítulo 2 de Efésios. Os pequenos grupos de seis pessoas, que se reúnem diariamente, tiveram um tempo para o estudo bíblico indutivo. Logo depois Ruth Padilla de Borst, secretária executiva da Fraternidade Teológica Latinoamericana, fez a exposição bíblica.

Se o estudo conjunto da Bíblia já foi de grande impacto, os testemunhos que se seguiram vieram tornar a Palavra de Deus ainda mais viva. Ouvimos sobre o trabalho de resgate dos dalits, uma casta de escravos sem direitos, realizado por meio da igreja na India; logo depois o trabalho de Pranitha Timothy, uma franzina missionária na India, cujo trabalho é resgatar escravos e lutar por suas causas judiciais. Uma informação que recebemos foi a de que cerca de 15 milhões de crianças são escravas naquele país.

Brenda Salter, uma norte americana falou sobre seu trabalho  na área de reconciliação racial e ministério transcultural. Depois ouvimos um maravilhoso diálogo entre Shadia Qubti, uma palestina, e Dan Sered, um israelita. Eles são cristãos e ocupavam juntos o mesmo púlpito falando da obra que Cristo havia realizado em suas vidas. Sabemos dos conflitos e das diferenças entre esses dois povos. Vê-los juntos, lado a lado, falando sobre amor e reconciliação foi de grande impacto para todos nós.

Depois desses testemunhos me pus a pensar sobre a grande obra que a Igreja precisa promover no Brasil lutando contra o preconceito e todo muro de separação que muitas vezes a própria igreja tem levantado. Mas isso é assunto para outra pauta.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>