Blog

Sexualidadismo e o desenvolvimento de um todo-poderoso homo eroticus

Sim, não errei não. Sexualidadismo ou sexualidadeismo é um novo termo cunhado por um professor de Harvard, e usado agora extensamente na cena de discussão das políticas públicas americanas. O termo define  a cultura do erotismo obrigatório que se acampou no ocidente nos últimos 50-60 anos. Devagar o homo eroticus ocupou o lugar do homo sapiens, ocupou o lugar do homem de família, do homem adorador, do homem que inventa, do homem que trabalha.

 

Quando a cultura centraliza a felicidade humana na sexualidade ela reduz o ser humano a seus genitais. Não sou mais eu, completa, com cérebro com alma, passo Mais >

alvin-plantinga

O Ateísmo É Irracional?

No meio de tanta notícias ruins e de uma espécie de embrutecimento generalizado da mídia, onde tudo o que se lê são clichés, dois artigos recentes foram como água em terra seca. O primeiro foi o artigo da Christianity Today americana que me abriu o mundo da pesquisa interessantíssima de Robert Woodberry a quem mencionei um post anterior. O outro é esta entrevista com o filósofo Alvin Plantinga no New York Times sobre as incongruências do ateísmo.

Muitos de nós cristãos leigos, despidos de ferramentas intelectuais de peso, olhamos para celebridades como Richard Dawkins , o guro do ateísmo “cult” e Mais >

the-far-side

A inexorável força do amor que se traduz em missões

Para surpresa de muitos críticos  o movimento missionário protestante tão criticado, quando pesquisado seriamente, demonstrou ser a maior força criadora de democracias e estados mais justos do século XIX.

 Uma pesquisa detalhada que demorou mais de 14 anos para se completar, feita pelo persistente Robert Woodberry, virou a maior surpresa sociológica do ano de 2012, ao ser publicada no American Political Science Review, o periódico mais importante da categoria.

Muitos amigos, até pastores e cristãos sérios no Brasil, tão assediados que são pela crítica constante e  pelo pessimismo que substituiu a fé em muitos setores evangélicos brasileiros não acreditam mais que o Mais >

inclusive-pedagogy-pic

Ode a um Deus Maneta? Resposta à brabeza do Paulo Brabo

Alguém tinha que ripostar (sim esta palavra existe)  o Paulo Brabo em seu poste na Bacia sobre esquerdista.  Por enxerimento  me incumbi da tarefa.

Aqueles que se aborreceram já com o embate direita versus esquerda: pulem este poste. Infelizmente o assunto está sempre vindo à baila, difícil evitar.

Para entender melhor meus comentários leiam  o poste de Paulo Brabo: A direita de Deus- e sua possível esquerda: http://www.baciadasalmas.com/2014/a-direita-de-deus-e-sua-possivel-esquerda/

O artigo de Brabo mais me parece, e aqui plageio um seguidor do twitter, a descrição da ideologia de um Deus maneta, que só tem a mão esquerda.

A definição de Brabo não podia ser mais Mais >

mandela

Porque uma linguagem de ódio racial e revolução não cabe na celebração da vida de Nelson Mandela

Me espantei no twitter hoje ao ler algumas frases sobre a morte de Mandela. Fãs empolgados pegam carona na morte do grande líder para soltar fagulhas revolucionárias anti-tudo e viva direitos.

Infelizmente tenho que dizer aos empolgados e mal-informados caronistas que a vida de Mandela inspira tudo menos ódio revolucionário. Mandela passa para a história não por causa da primeira fase de sua vida, de luta violenta contra o violento regime do Apartheid. Não foram as lutas que teve, os tiros que deu, a resistência armada contra um regime que não hesitava em matar e torturar seus opositores que o transformaram Mais >

happiness-300x300

A FELICIDADE DO ORDINÁRIO

Estou distante do meu país e talvez por isto mesmo consigo percebê-lo com mais clareza. Quando estamos imersos no aquário cultural fica difícil o quão estreito ele é, que as paredes apesar de serem de vidro ainda são paredes, e que não importa o nosso tamanho, peixinho ou peixão sempre podemos nadar em águas maiores. A mesma barbatana que nos leva de um lado pra outro no aquariozinho pode nos levar correnteza abaixo no Amazonas.

Das falas dos jornalistas aos discursos dos pastores evangélicos o país parece estar mergulhado num profundo pessimismo. Pessimismo virou “realismo”na cabeça de muitos. Ser “realista” é Mais >

bully-shout

Bullying Teo-Ideológico

Vale a pena postar aqui este texto interessante do Luiz Felipe Pondé sobre o problema do bullying teo-ideológico. Desde que escrevi o post “Saí do Armário” recebi mais de 200 comentários no blog. Uma boa parte civilizada, mas se alguém tiver a paciência de ler, vai perceber que há os que discordam veementemente,  os imagino vermelhos de raiva enquanto escrevem, e há os discordam com ódio mesmo, os imagino de dentes trincados com uma baba de lado.

Discordar, pode até ser considerado  um dever do debatedor. A crítica constante ao que penso eu, e ao que pensam outros é meu dever Mais >