É provável que todo mundo que acompanhe as edições da revista Ultimato tenha a sua favorita, uma que tenha marcado mais. O Davidson de Oliveira Cordeiro lembra bem da primeira com a qual teve contato: A Questão Gay.

Essa foi a segunda capa sobre essa questão, em 1987. A primeira foi no ano anterior, que trazia os artigos O vírus da Aids e a graça de Deus, Evolução ou involução, A teologia do perdão, Diga aos homossexuais que voltem atrás, Mesa redonda com homossexuais curados e outros). A capa com A questão gay teve o subtítulo “Ultimato recebe e corrige texto sobre homossexualismo do Grupo Gay da Bahia”, e foi o número com a maior tiragem dos 50 anos da história da revista: 100.700 exemplares.

Confira aqui o relato de Davidson, e também a foto dele com a esposa e vários dos exemplares de Ultimato de sua coleção.

Alguns anos depois de minha conversão, em 1990, sempre que podia lia um exemplar de Ultimato na Igreja que congregava, no Barreiro, em Belo Horizonte, MG.

 

Me surpreendi com a primeira edição que tive nas mãos, de abril de 1987, já falando sobre A Questão Gay. Achei muita ousadia na época uma revista cristã tratar sobre este assunto e decidi que assim que pudesse assinaria a revista, o que efetivei em 1995.

 

Aguardo as novas edições sempre com grande expectativa, pois a revista tem sido uma ótima ferramenta no desenvolvimento do ministério e sempre que podemos gostamos de presentear alguém com uma assinatura anual. Presentão, em nossa opinião.

 

A possibilidade de presentear alguém com essa assinatura anual tem sido uma bênção e ajudado no fortalecimento de amizades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>