[500 Anos da Reforma]
Por Martinho Lutero

Antes, santifiquem Cristo como Senhor em seu coração. Estejam sempre preparados para responder a qualquer pessoa que lhes pedir a razão da esperança que há em vocês. Contudo, façam isso com mansidão e respeito. [1 Pedro 3.15-16]

Quando você for desafiado ou indagado a respeito da sua fé, não responda com arrogância. Não seja hostil ou impetuoso, como se estivesse arrancando árvores do solo. Em vez disso, responda com temor e humildade, como se estivesse diante de Deus e respondendo a ele. Se você fosse convocado perante reis e príncipes e tivesse se preparado antecipadamente com as Escrituras, você poderia pensar: “Espere; eu responderei corretamente”. Mas o Maligno tirará a espada das suas mãos e lhe dará um empurrão. Você se envergonhará e descobrirá que vestiu sua armadura em vão. Ele pode até tirar os melhores versículos das suas mãos para que você não possa usá-los, mesmo que os tenha memorizado. Deus permite que isso aconteça para reprimir a sua arrogância e para torná-lo humilde.

Assim, se você não quer que isso aconteça, você deve se dispor em temor e não confiar no seu próprio poder. Confie, em vez disso, naquilo que Cristo prometeu: “Mas quando os prenderem, não se preocupem quanto ao que dizer, ou como dizê-lo. Naquela hora lhes será dado o que dizer, pois não serão vocês que estarão falando, mas o Espírito do Pai de vocês falará por intermédio de vocês” (Mt 10.19-20). Quando você tiver de dar uma resposta, arme-se com as Escrituras. Mas não vá para casa com um espírito orgulhoso. Caso contrário, Deus tirará o versículo da sua boca e da sua memória, mesmo se você estiver armado com todos os versículos com antecedência. Portanto, é necessário cuidado. Mas se você estiver preparado, você será capaz de responder príncipes, líderes e até o próprio Diabo. Apenas certifique-se de não estar dizendo palavras humanas insignificantes, mas de dizer somente a Palavra de Deus.

Em 2017, Ultimato vai relembrar e celebrar os 500 anos da Reforma Protestante. O Blog publica, sempre às segundas-feiras, uma devocional do reformador Martinho Lutero, retirado do seu Somente a Fé – Um Ano com Lutero.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>