capa_ult349O título é uma brincadeira, claro. Na verdade, o assunto é sério e urgente. A edição 349 da revista Ultimato, que começou a circular hoje, traz a matéria de capa: Crack — o monstro de boca aberta.

Ultimato foi à Cracolândia e também se debruçou sobre as muitas nuances da questão. Considerando a tragédia enfrentada pelos usuários de drogas lícitas e ilícitas e o imenso sofrimento que isso traz, cada igreja deveria desenvolver um ministério especializado – tanto preventivo como terapêutico – para ir atrás da ovelha perdida, da dracma perdida. Os textos publicados podem contribuir para que em cada esquina haja uma esperança para essas pessoas!

A edição atual também fala de política, da “tentação” política que começa a envolver candidatos e eleitores. Abaixo, o sumário da edição atual. Assine e leia primeiro.

  1. Estamos comemorando 20 anos de plano real. Graças a ele ULTIMATO consegue manter o preço da revista a custo baixo, e permitir que centenas de pessoas leem. É algo espantoso saber o efeito disso na vida das pessoas das pessoas.

    Não, não é o bolsa família, mas o plano real que mereceria a atenção da revista. Não é a Cracolândia, mas o fato de que o Brasil conseguiu dar uma estabilidade que gerou um efeito extraordinário na vida das pessoas.

    Isso é o que está faltando!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>