Em agosto de 2009 o pessoal do blog Fale procurou Ultimato interessado em fazer uma entrevista sobre o Ano das Juventudes. Confira agora a resposta a uma pergunta feita à Klênia César Fassoni, diretora-administrativa da Editora Ultimato e entusiasta do Ano das Juventudes.

Fale: Por que 2009 é o ano da juventude na revista?

Klênia: Talvez tenha sido por conta da famosa crise dos 40… Celebramos com muita gratidão e em boa companhia os 40 anos de Ultimato. Tivemos aqui em Viçosa o inesquecível Encontro de Amigos em julho de 2008. Percebemos que os assinantes haviam envelhecido junto com a revista. Muitos se tornaram assinantes quando jovens e permaneceram conosco. Mas houve pouca renovação do quadro de assinantes. Paralelamente a isto, desde 2005, temos tido uma grande aproximação da temática e do público jovem. Durante todo aquele ano publicamos na revista uma página ou mais com textos “preparatórios” para o "Missão 2006", promovido pela ABU. No ano seguinte todas as edições trouxeram textos relacionados ao "Fórum Jovem de Missão Integral", que aconteceu em junho de 2007. Estes eventos foram também apoiados por Ultimato e neles tivemos a presença maciça de nossa equipe e outros jovens de Viçosa. Continuamos ligados a esse tema e a essa turma jovem. No "Encontro de Amigos" uma das mesas-redondas foi sobre a juventude (com a participação de Valdir Steuernagel e Alexandre Brasil) e a ceia foi servida por trinta jovens e adolescentes. Elben, diretor da revista, declarou na ocasião que desejava com isto expressar a nossa confiança na nova geração que vai assumir a liderança de movimentos, organizações e ministérios. Além disso a nossa equipe é composta por muitos jovens: do total de 36 pessoas (funcionários e estagiários), 19 têm menos de 29 anos e apenas 7 mais de 35. Nossos intervalos diários para café e oração têm sido cada vez mais barulhentos e animados. O mural de avisos, cada vez mais irreverente… Mas principalmente dedicamos este ano à juventude por acreditarmos nela.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>