Primeira pesquisa do DataFolha realizada após encerramento do primeiro turno mostra empate técnico entre os candidatos Fernando Gabeira, do Partido Verde, e Eduardo Paes, do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB). Eles concorrem à prefeitura do Rio de Janeiro.

Gabeira tem 43% das intenções de voto e Eduardo Paes 41%. Os dois candidatos herdaram votos de concorrentes ao cargo no primeiro turno, dentre eles o candidato Marcelo Crivella, do Partido Republicano Brasileiro (PRB) e bispo da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), que ficou em terceiro lugar.  

De acordo com o DataFolha, 54% dos eleitores de Crivella optam por Eduardo Paes e 46% preferem Gabeira. Boa parte do eleitorado de Crivella vem de redutos evangélicos e pentecostais. A migração dos votos do candidato do PRB aos dois candidatos aponta que evangélicos vão divididos para o segundo turno.

“Como não houve adesão em massa a Eduardo Paes, os eleitores evangélicos não demonstraram preconceito e rejeição a Fernando Gabeira. Esta tendência mostra que eles definem o voto, cada vez mais, de forma independente e pensada”, explicou o diretor do DataFolha, Mauro Paulino, ao repórter Chico Otavio, do jornal O Globo.

O pesquisador Cesar Romero disse ao jornal que ao deixar Crivella fora do segundo turno o carioca disse não à mistura de fé e política.

Fonte: www.alcnoticias.org