“Mas, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo.” (Ef 4.15)

Como nossas relações poderiam crescer e se edificar a ponto de se tornarem profundas, maduras, afetuosas, misericordiosas, verdadeiras, terapêuticas e duradouras, como se espera que aconteça numa família ou na Igreja? Talvez a resposta Mais >